A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

dezembro 19, 2014

Frankfurt, Alemanha – uma cidade fantástica!

Confesso que só coloquei Frankfurt em meu roteiro de férias depois de ler alguns posts de blogs que localizei na internet. tudo o que sabia sobre a cidade é que é normalmente o ponto de embarque e desembarque de muitos turistas quando chegam para visitar a Alemanha.

Também sabia que é uma cidade grande, que sua área metropolitana é um pouco mais que 10% da área metropolitana de São Paulo, que é cheia de prédios e nada parecida com cidadezinhas medievais na Europa. Mas, não é bem assim: Frankfurt oferece atrações imperdíveis e passar pelo menos uns 3 dias inteiros na cidade vale muito a pena.

Frankfurt já foi uma daquelas cidadezinhas medievais, mas com a Segunda Guerra Mundial ela foi totalmente destruída. Sobrou  muito pouco do centro da antiga parte velha da cidade. Assim, tanto a prefeitura como os prédios da Römerberg (a praça central) foram reconstruídos  no mesmo estilo da época.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A história de Frankfurt começou a 1200 anos atrás. Em 794 o nome “Franconofurd”, foi escrito em alguns registros. A partir da coroação de Lothars II, Frankfurt se tornou durante séculos uma cidade muito importante para política e virou também um dos lugares de comércio mais importantes da Europa. Com o passar dos séculos enquanto o norte e leste da cidade cresciam com bancos e edifícios financeiros, o lado esquerdo do rio Main ficou reservado para as artes. Com seus inúmeros museus (34 pelo que lembro), Frankfurt é um templo para as artes.

Frankfurt está sempre em movimento. Um exemplo é o aeroporto, o maior da Alemanha, que tem mais de 154 mil passageiros e 1400 vôos por dia. Outros exemplos são as feiras de negócios e o centro de finanças e bancos. E com mais de 100 arranha céus, Frankfurt recebeu o apelido de “Mainhattan”. Um dos mais impressionantes é o do banco central europeu, com seus 185 metros de altura. Em volta deste prédio surge, como em um passe de mágica, uma magnífica área verde, bem no coração da cidade.

Um marco importante da cidade é a bolsa de Frankfurt, sua história data desde o século XVI. A sua magnífica ópera também merece respeito, conta com muitos espetáculos internacionais.

Frankfurt tem um lugar especial principalmente nas noites de verão: o Alt-Sachsenhausen, um dos bairros de Frankfurt, que é um  lugar muito agradável. Ali, os visitantes encontram bastante divertimento nos diversos restaurantes, bares, cafés. As casas antigas em volta dão um toque charmoso ao local. É o melhor lugar para se provar a especialidade de Frankfurt: o Apfelwein (Vinho de Maçã).

Compras? Frankfurt é conhecida por ser a meca delas e a prova disso é que o visitante tem uma seleção impressionante de ruas de comércios e shoppings.

E uma coisa impressionante foi o que me reservou o sistema de transportes local. Muito eficiente, com ônibus de excelente qualidade, transvias, trens e metrô – tudo integrado. Em Frankfurt, você compra passagem de metrô, trens, transvias ou ônibus se for honesto (eu comprei!) ou se tiver medo de ser flagrado por um fiscal, pois a multa por não ter um ticket é muito alta. É sério. Em momento algum  as portas e catracas das estações exigem o ticket para liberar sua entrada ou saída. Você compra o ticket nas máquinas (não vi guichês com gente de verdade em nenhuma estação por que passei) e o coloca no bolso, satisfeito da vida, pelo resto do dia. Se algum fiscal o pedir, você o apresenta. Caso contrário, ele continua com você. E existem de alguns tipos – o individual, de uma viagem, o individual, para o dia todo, o em grupo que também é para o dia todo (para até 05 pessoas, que custa 9,90 euros), etc.

As ciclovias estão por toda a cidade e são bem construídas, diferente das de São Paulo que foram pintadas (inclusive os buracos!) e em alguns lugares não passam de 50 centímetros. Em Frankfurt elas são amplas, bem construídas e planejadas. E em qualquer dia ou horário os ciclistas podem embarcar com elas nos ônibus, trens ou metrô.

Aproveitando a oportunidade, deixo a dica de hospedagem para Frankfurt. Depois de digitar “Frankfurt onde ficar” no Google, descobri, páginas e páginas. Fiquei no Novum Hotel Imperial e valeu muito  a pena pelo custo/benefício. Dele dá para ir de ônibus, transvia ou trem ou metrô para a estação de trem onde quase todos os turistas chegam, a Konstablerwache e para a rua mais comercial do centro, a Zeil. Pertinho dessa rua está o Rio Meno, a catedral Döm e a praça Römer, onde há um centro de informação ao turista dos diversos espalhados pela cidade. Lá é possível comprar o Frankfurt Card, que permite trânsito livre pela cidade em metrô, trem urbano ou ônibus e garante descontos em várias atrações (50% de desconto em vários museus, por exemplo).

Aqui, pela dificuldade em falar e entender o idioma, descobri que é muito válido visitar o site oficial de turismo. Eles sempre oferecem boas dicas e sugestões de passeios. O de Frankfurt é este aqui.

Se estiver na cidade, não deixe de visitar o Jardim Botânico (Palmengarten) que é muito bonito e a entrada custa 5 euros (2,50 com o desconto do Frankfurt Card).

Ah, ia me esquecendo de falar da população – nunca vi um povo tão simpático quanto os moradores da cidade. É super complicado de entender o que eles falam, mesmo quando a gente tenta se comunicar em inglês. Mas, em tentativa e erro, mímicas, etc. a gente acaba entendendo.

Anúncios

1 Comentário »

  1. […] Frankfurt, Alemanha – uma cidade fantástica!. […]

    Curtir

    Pingback por Frankfurt, Alemanha – uma cidade fantástica! | Inesagula's Blog — dezembro 19, 2014 @ 21:07 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Obrigado por assinar o meu blog! Espero que goste!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: