A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

abril 13, 2016

Curso Transparência e Direito de Acesso à Informação, oferecido pela UCRH

A Unidade Central de Recursos Humanos – UCRH tem por missão planejar, coordenar, orientar tecnicamente e controlar, em nível central, as atividades de gestão de Recursos Humanos da Administração Direta e das Autarquias do Estado de São Paulo. Cabe-lhe também promover a uniformização de procedimentos da área de Gestão de Recursos Humanos.

A Unidade Central de Recursos Humanos tem sua estrutura organizacional estabelecida pelo Decreto nº 51.463, de 1º/01/2007 e está subordinada à Secretaria de Planejamento e Gestão. Tem por missão institucional, na área de capacitação, contribuir para a profissionalização do serviço público paulista através da atuação na formação profissional e desenvolvimento dos servidores públicos do estado, tendo como princípio fundamental o compromisso com a qualidade pedagógica em suas ações.

trans

Trabalha na formação de servidores públicos com alta competência técnica e de lideranças transformadoras aptas a lidar com os desafios que a gestão pública enfrentará no futuro; busca a inovação pedagógica, com a construção de novas formas de aprendizagem; e na produção e disseminação de conhecimentos inovadores sobre gestão pública.

Desenvolve cursos em parceria com órgãos da Administração Direta e Autárquica para a formação de alta qualidade dos servidores públicos estaduais, acompanhando as diretrizes estratégicas emanadas pela Administração, conforme o Plano de Governo.

O curso abaixo – Transparência e Direito de Acesso à Informação – é de vital importância para todos os servidores públicos e como informativo para a população em geral. Acesse as aulas! Posso garantir que você não se arrependerá.

  • Aula 1. Transparência e Democracia
    Neste primeiro vídeo do curso Transparência e Direito de Acesso à Informação apresentamos a temática e conceitos relacionados à transparência, direitos humanos e acesso à informação.
    Especialistas: Fernando Meloni e João Gomes

  • Aula 2. A importância do direito de acesso à informação
    O vídeo traz conceitos e trata da importância do direito de acesso e da transparência para o funcionamento do estado democrático de direito e da administração.
    Especialistas: Fernando Meloni e João Gomes
    (more…)

março 7, 2016

Curso gratuito – GESTÃO DA INFORMAÇÃO PÚBLICA: DO IMPRESSO AO DIGITAL

Objetivos: Disseminar uma ampla visão da gestão de documentos e da segurança da informação, indicando boas práticas, métodos e técnicas arquivísticas para a eficiente prática documental, para a preservação digital e para o processo administrativo e legislativo. Objetiva-se alcançar uma maior eficiência na gestão de processos de trabalho e, em especial, em relação às novas tecnologias da informação.

Público Alvo: Funcionários públicos em geral, em especial da Câmara Municipal e da Prefeitura de São Paulo, além da sociedade em geral. Profissionais das áreas de Direito, de Biblioteconomia e de Arquivo e de Tecnologia da Informação.

Coordenador: Prof. Msc. Charlley Luz

Diretor Responsável: Gustavo Costa Dias

Vagas: 60

Carga Horária: 21h

Inscrições: A partir de 24/03.

Observação: todo o curso será transmitido em tempo real por videoconferência. O acesso é realizado clicando sobre o link do local da aula no quadro Programação abaixo, ou seja, “Sala Oscar Pedroso Horta (“Sala B”).  

Terão direito ao Certificado somente os que assistirem ao curso presencialmente.

Programação:

(more…)

março 2, 2016

História – Centros de Memória – Ana Maria de Almeida Camargo

Rodrigo Simon entrevista a professora Ana Maria de Almeida Camargo, do departamento de História da FFLCH-USP, autora, em conjunto com a pesquisadora Silvana Goulart, do livro Centros de memória: uma proposta de definição. A professora explica o que são e qual a função estratégica dos centros de memória – uma definição nova que abrange os organismos dedicados a preservar e organizar informações para consulta futura, em empresas, governos, organizações.

fevereiro 29, 2016

Seminário Lei de Acesso à Informação em São Paulo: diálogos necessários

1

 

seminário

fevereiro 12, 2016

Introdução à Política e ao Tratamento dos Arquivos, na PUC/SP

Curso de Extensão Introdução à Política e ao Tratamento de Arquivos propicia o estudo teórico-metodológico da Arquivologia e capacita os participantes para a conservação, organização e elaboração de instrumentos voltados à recuperação eficaz dos documentos.

archivio

Seu conteúdo divide-se em duas partes: a Parte 1 enfoca o tratamento documental (classificação e descrição) e a avaliação de documentos; aborda a Diplomática (disciplina essencial para identificação de documentos arquivísticos), a reprografia aplicada aos arquivos e os conhecimentos de preservação de documentos essenciais. A Parte 2 aborda temas específicos sobre a Arquivologia contemporânea, tais como: visão e ação gerencial do trabalho arquivísticodocumentos especiais (fotografias e documentos orais), documentos eletrônicos,normalização da descrição e aplicação de novas tecnologias.

Objetivo

Capacitar os participantes para definirem com precisão os arquivos e caracterizarem as principais funções arquivísticas e suas áreas afins.

Público-Alvo

Parte I – Alunos de cursos de graduação e pós-graduação e profissionais de nível médio e superior interessados em atuar em arquivos públicos, empresariais, universitários, eclesiásticos, populares etc., bem como aqueles que já possuem experiência na área e gostariam de adquirir conhecimentos teóricos básicos. (more…)

dezembro 2, 2015

Lançamento do livro: “Trilhos e Eucaliptos: a Ferrovia e a Floresta em Rio Claro”

O livro “Trilhos e Eucaliptos: a Ferrovia e a Floresta em Rio Claro” apresenta oito artigos que foram enriquecidos com a pesquisa iconográfica feita pelo Arquivo e por fotógrafos profissionais, voluntários e participantes de concursos fotográficos e em projetos do Arquivo de Rio Claro. O lançamento ocorrerá na Floresta Estadual, dia 11 de dezembro, às 17h30! O evento é aberto para toda a comunidade. Paralelamente haverá o lançamento dos Cartões Postais – “Coleção Aspectos da Cidade”. Somente para os presentes haverá a distribuição de postais gratuitos.

Trilhos e Eucaliptos

O capítulo 5 do livro inspira-se em minha dissertação de mestrado em História Social pela USP. No texto que elaborei para esse livro, dividido em duas partes, abordo, em primeiro lugar, a especificidade de um acervo documental – o caso do Herbário da Floresta Estadual Edmundo Navarro de Andrade (FEENA). Tal acervo – o depositário do material científico das investigações que documentam as pesquisas do Serviço Florestal – registra as andanças profissionais de Edmundo Navarro de Andrade rumo à silvicultura moderna. Essa parte do texto também relata a importância ímpar da existência, manutenção e conservação do arquivo genético de plantas às investigações da ciência no passado, nos dias de hoje e para o futuro. Relata a degradação que o Herbário da FEENA sofreu e ainda sofre com a carência de verbas e de pessoas para maiores cuidados e preservação. (more…)

dezembro 1, 2015

Palacete Conde de Sarzedas e o Museu e Centro Cultural do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo

Hoje, durante o meu horário de almoço, estive com a minha amiga Vera Grellet na Rua Conde de Sarzedas, visitando o Museu do Tribunal de Justiça, que está instalado em um palacete que pertenceu ao referido Conde.
Abaixo algumas informações sobre a rua e as fotos que fizemos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Rua Conde de Sarzedas é uma importante rua comercial localizada no Centro Histórico de São Paulo, no distrito da Sé. Recebeu esse nome em homenagem ao 5º Conde de Sarzedas. Atualmente é um dos maiores polos de comércio de produtos evangélicos do País. Na esquina com a rua Conselheiro Furtado há um grande terreno baldio onde o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo há tempos planeja construir um complexo de três edifícios para abrigar todos os gabinetes dos 360 desembargadores, a fim de evitar o trânsito de processos volumosos entre o Palácio da Justiça e o Edifício Nove de Julho (número 100 da rua). A obra ainda não se iniciou devido a uma contestação judicial do projeto no STJ . O Edifício Nove de Julho é um prédio moderno em aço e vidro que cerca o Palacete de Conde Sarzedas, na esquina com a rua Tomás de Lima – formando um interessante contraste arquitetônico. (more…)

novembro 25, 2015

Fundação Casa de Rui Barbosa lança o sítio “Escravidão, Abolição e Pós-abolição”

A Fundação Casa de Rui Barbosa lançou no último dia 23/11 o sítio Escravidão, abolição e pós-aboliçãohttp://www.memoriaescravidao.rb.gov.br/, que tem como proposta contribuir para a pesquisa nos temas e também fomentar a formação de novos pesquisadores.

Recomendado para internautas de todas as idades, o sítio disponibiliza as seguintes áreas:

escrav img1

– Documentos digitalizados que podem ser consultados e baixados pelo pesquisador;

– As exposições “O registro da escravidão na vida privada” e “A abolição e seus registros na vida privada”, que reúnem documentos sobre os dois temas e estão representadas em dois catálogos; (more…)

novembro 5, 2015

História da Educação Fiscal do estado de São Paulo – livro

APRESENTAÇÃO

HistEdFiscal

As pesquisas que deram origem a este trabalho tiveram início em 2006, época em que o Sr. Ivo Bento Garcia, Agente Fiscal de Rendas aposentado e ex-diretor do Departamento de Administração da Secretaria da Fazenda, entrou em contato com a equipe do Núcleo de Documentação e Informação, setor da Escola Fazendária do Estado de São Paulo. O motivo do contato foi seu interesse em doar uma coleção de fotografias sobre o concurso e os sorteios do Talão da Fortuna, uma campanha realizada pela Secretaria da Fazenda na década de 1960 com o objetivo de aumentar a arrecadação de impostos e combater a sonegação fiscal. O Sr. Ivo havia sido o presidente da Comissão Permanente do Talão da Fortuna.

A generosidade do Sr. Ivo e o cuidado em catalogar as fotografias e as demais informações e fontes documentais sobre o Talão da Fortuna despertaram o interesse da direção do NDI sobre a temática educação fiscal e os programas de governo voltados ao assunto. A partir de então, foram realizadas pesquisas, com o intuito de recuperar a história dos programas, e ações sobre a educação fiscal no Estado de São Paulo.

(more…)

setembro 4, 2015

IV SEMINÁRIO INTERNACIONAL ARQUIVOS DE MUSEUS E PESQUISA

A quarta edição do Seminário reunirá especialistas, profissionais e demais interessados no patrimônio histórico cultural internacional para dialogarem e apresentarem suas formações, seus conhecimentos e experiências multifacetadas no universo dos arquivos, bibliotecas, museus e instituições similares de interesse público. Esta interdisciplinaridade lida com desafios cotidianos de gestão de acervos e de capacitação contínua de seu corpo técnico em coleções de diversas tipologias, na maioria das vezes insubistituíveis, de natureza única ou híbrida. É sabido que tal tarefa é pouco provável a um único profissional.

cartaz

A cultura de rede e comunicação imediata potencializa uma horizontalidade e circularidade de conhecimentos e informações em múltiplas linguagens interconectando processos educativos e participativos nas instituições de guarda de acervos e de alcance do público. (more…)

Próxima Página »

O tema Rubric. Blog no WordPress.com.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 585 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: