A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

abril 11, 2017

Professores da Rede Estadual de SP – oportunidade de formação

Todos os profissionais que atuam na Secretaria da Educação do Estado de São Paulo poderão participar da 1ª edição de 2017 do curso Ética e Cidadania Fiscal, oferecido pela Escola Fazendária do Estado de São Paulo (Fazesp).

O conteúdo será apresentado por meio de exemplos e situações cotidianas, e entre os temas abordados estão o Brasil e seus desafios; o papel da educação na transformação da sociedade; a estrutura dos poderes e suas atribuições; a classificação dos tributos; o panorama da sociedade brasileira atual; o controle, transparência, lei de acesso à informação e participação social; o que é ética e a diferença entre ética e moral.

Com carga horária de 80 horas, o curso terá quatro módulos: Convite à cidadania fiscal; Ética, Democracia e Cidadania; Como o Estado obtém recursos para a sua manutenção?; e Orçamento Público, Controle, Transparência e Participação Social.

Para aprovação e emissão de certificado será necessário alcançar conceito “Satisfatório”, mínimo de 70% de aproveitamento e frequência mínima de 75%.

O curso é gratuito e será realizado a distância, no próprio ambiente virtual da Fazesp. As inscrições podem ser feitas de 3 a 17 de abril de 2017 ou até esgotarem-se as vagas.

Clique aqui para se inscrever no curso e aqui para consultar o Manual de Inscrição.

Público-alvo: profissionais que atuam nos três quadros da Secretaria Estadual de Educação (QM, QAE e QSE)
Inscrições: 03 a 17/04 (ou até esgotarem-se as vagas)
Período de realização: 17/04 a 09/08
Modalidade: a distância
Carga horária: 80 horas

O curso está autorizado pela EFAP/SEE e contará para a evolução funcional pela via não acadêmica, de acordo com a regulamentação vigente relativa ao quadro de atuação do servidor.

dezembro 9, 2016

Turma da Mônica explica TCE e incentiva boas práticas da cidadania

03/12/2016 – SÃO PAULO – Editada com o propósito de difundir as funções e atividades da Corte de Contas paulista como ferramenta de controle e uso dos recursos públicos, o gibi ‘Faça (a sua) Parte: Cuidando do que é Nosso’ interage com o publico infantil, por meio de uma linguagem simples, didática e lúdica, na qual difunde as boas práticas da cidadania.

Com exemplos práticos e cotidianos, o impresso, assinado por Maurício de Sousa, visa conscientizar o público infantil da faixa etária entre 9 e 10 anos, sobre a função fiscalizatória e a importância da atuação do Tribunal na boa gestão do dinheiro público.

O gibi conta a história da personagem Dorinha, uma criança portadora de necessidades especiais visuais que, por meio de interação com demais personagens da Turma da Mônica, passa a entender as funções do Tribunal de Contas, como órgão de controle externo e como o cidadão pode agir para ajudar a fiscalizar a aplicação do dinheiro público.

 

Dorinha, com o apoio da professora da escola, explica aos colegas de turma como o poder público, por meio da boa governança, pode contribuir para os bons resultados nas políticas públicas de Educação, Saúde, Transportes, Mobilidade Urbana, e outras áreas.

No ambiente escolar, ao abordar noções de cidadania e ética, a protagonista e os personagens falam sobre noções básicas do funcionamento dos órgãos governamentais, aplicação e destinação dos impostos e falam acerca das atividades voltadas ao acompanhamento dos investimentos nos diversos setores e seus reflexos na sociedade.

Clique para acessar a galeria de imagens

outubro 7, 2016

Projeto “Cuidando do meu bairro”

Você conhece alguma das ferramentas disponíveis para que a sociedade possa conhecer melhor a temática do orçamento público, exercer o controle e fiscalização dos gastos realizados em equipamentos públicos da cidade e promover ações concretas no seu bairro?

Clique aqui e conheça o projeto  Cuidando do meu Bairro.

cuidando-meu-bairro

agosto 30, 2016

Curso em EaD – Ética e Cidadania Fiscal

A Escola Fazendária do Estado de São Paulo (Fazesp) informa que abrirá inscrições para a segunda turma de 2016 do curso Ética e Cidadania Fiscal.  O conteúdo é de interesse de professores, estudantes, servidores públicos e cidadãos em geral que poderão se inscrever, via internet, no período de 26 de agosto a 5 de setembro.

O curso é gratuito e será realizado no próprio ambiente virtual da Fazesp de 5 de setembro a 4 de novembro. O conteúdo é direcionado a quem tem interesse em obter conhecimentos sobre tributação, responsabilidades do Estado e exercício da cidadania, além de contribuir para a transparência na gestão pública e na prática da responsabilidade fiscal.

etica

Os conteúdos que permeiam a temática “Ética e Cidadania Fiscal” são apresentados por meio de exemplos e situações cotidianas. Entre os temas abordados constam o Brasil e seus desafios; o papel da educação na transformação da sociedade; a estrutura dos poderes e suas atribuições; a classificação dos tributos; o panorama da sociedade brasileira atual; controle, transparência, lei de acesso à informação e participação social, o que é Ética e a diferença entre ética e moral.

Com carga horária de 80 horas, o curso terá quatro módulos: Convite à cidadania fiscal; Ética, Democracia e Cidadania; Como o Estado obtém recursos para a sua manutenção?; e Orçamento Público, Controle, Transparência e Participação Social.

Para aprovação e emissão de certificado será necessário alcançar no mínimo 70% de acerto nas questões ao final de cada módulo. Para mais informações e para realizar a inscrição acesse www.fazesp.sp.gov.br. Consulte o manual de inscrição aqui.

Informações
Curso: Ética e Cidadania Fiscal – Turma 2 de 2016
Modalidade: Educação a Distância auto instrucional
Período de inscrições: 26 de agosto a 5 de setembro (ou até se esgotarem as vagas)
Período de realização: 5 de setembro a 4 de novembro
Público-alvo: Professores, universitários, membros de organizações sociais interessados na temática, servidores públicos e cidadãos em geral
Carga horária: 80 horas
Vagas: 600

(more…)

agosto 5, 2016

Curso Disseminadores de Educação Fiscal

A nova edição do curso Disseminadores de Educação Fiscal é uma parceria da EFAP/SEE  – Escola de Formação e Aperfeiçoamento dos Professores “Paulo Renato Costa Souza”, da Secretaria Secretaria da Educação do Estado de São Paulo com a Escola de Administração Fazendária/FAZESP e o GefeSP – Grupo de Educação Fiscal Estadual e será voltada a todos os servidores da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo. O curso é totalmente a distância, tem certificação de 120 h/a e para ser aprovado o aluno precisa conseguir o mínimo de 70% de aproveitamento. . O Certificado será expedido pela ESAF e validado pela EFAP, podendo ser utilizado para a progressão pela via não acadêmica.

A formação tem como objetivos formar cidadãos a respeito do papel desempenhado pelos tributos e orçamentos públicos na construção de uma sociedade livre, justa e solidária; sensibilizar os cursistas a respeito da importância do tema cidadania fiscal em suas vidas e no cotidiano de sua comunidade; e estimular os cidadãos a se apropriarem dos instrumentos da Educação Fiscal para a promoção de políticas públicas capazes de reduzir as desigualdades sociais.

Serão oferecidas 750 vagas e para acessar o formulário de cadastro no Google Docs, clique aqui. Os participantes selecionados receberão um e-mail confirmando a sua participação no curso, entre os dias 15 e 21 de agosto.

As aulas serão a distância, de 22/08 a 28/10. É necessário que o candidato tenha conhecimentos prévios de informática, um e-mail válido e acesso à internet.

O curso conta com cinco etapas; ao final de cada uma haverá uma avaliação. Na última fase, os cursistas deverão elaborar uma atividade prática dentro dos temas estudados.

DEF

julho 14, 2016

CURSO DE DISSEMINADORES DE EDUCAÇÃO FISCAL – inscrições abertas

CURSO DE DISSEMINADORES DE EDUCAÇÃO FISCAL

Inscrições abertas – inscreva-se aqui

O curso Disseminadores da Educação Fiscal é o  principal produto do Programa Nacional de Educação  Fiscal – PNEF. Em 2012, foram capacitados 16.607 alunos, em 2013 foram capacitados 14.777 alunos, o que só foi possível graças à gestão descentralizada, que conta com uma forte e crescente parceria com Estados e Municípios. Ao final de 2014, o curso alcançou a marca de 126.137 disseminadores formados nos onze anos de sua existência, o que representa uma relevante contribuição da Escola para cumprir sua missão, otimizando a aplicação dos recursos públicos. A meta para os próximos anos é descentralizar ainda mais a gestão do curso e ampliar a oferta elevando-a substancialmente para 40 mil cursistas/ano. Para isso, a ESAF conta com a decisiva participação dos Estados e Municípios por meio de Acordos de Cooperação Técnica que nos permitam abrigar o curso nas respectivas escolas virtuais desses entes federados, além do crescente envolvimento dos Centros Regionais da Escola na promoção do curso.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O PNEF tem como objetivo promover e institucionalizar a Educação Fiscal para o efetivo exercício da cidadania, visando ao constante aprimoramento da relação participativa e consciente entre o Estado e o cidadão, concorrendo para a defesa permanente das garantias constitucionais.

Alicerça-se na necessidade de compreensão da função socioeconômica do tributo, da correta alocação dos recursos públicos, da estrutura e funcionamento de uma administração pública pautada por princípios éticos e da busca de estratégias e meios para o exercício do controle democrático.

A implementação do PNEF é de responsabilidade do Grupo de Trabalho de    Educação Fiscal – GEF, composto por representantes de órgãos federais, estaduais e municipais, a quem compete definir a política e discutir, analisar, propor, monitorar e avaliar as ações do Programa. (more…)

julho 8, 2016

Prorrogadas as inscrições para o Prêmio Nacional de Educação Fiscal

Interessados têm até o dia 22 de julho para inscrever seus projetos. Os dez melhores da edição participarão da festa da educação fiscal que acontece no dia 09 de novembro, na capital federal.

As inscrições para a quinta edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal estarão abertas até o dia 22 de julho. Lançada em maio deste ano, a Febrafite vai premiar no dia 09 de novembro, em Brasília, projetos desenvolvidos no país inteiro que valorizam a função social dos impostos e o acompanhamento dos gastos públicos no País.

mala direta prorrogadas-04

Com a prorrogação do prazo de inscrição, previsto para encerrar na próxima segunda-feira, dia 11, a coordenação do prêmio oferece mais uma chance para os disseminadores da educação fiscal disputarem as premiações: R$ 10 mil, R$ 5 mil e R$ 3 mil para os três primeiros colocados na categoria Escolas; e R$ 10 mil e R$ 5 mil para os dois primeiros lugares na categoria Instituições, e ainda mostrar o projeto para o Brasil.

As inscrições podem ser feitas no sitewww.premioeducacaofiscal.com.br

Sobre o prêmio Uma das mais significativas premiações no segmento, o Prêmio Nacional de Educação Fiscal é uma ação da Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais (Febrafite), em parceria com a Escola de Administração Fazendária (Esaf). (more…)

junho 14, 2016

8ª edição do Concurso de Desenho e Redação da CGU

A Controladoria-Geral da União está promovendo a 8ª edição do Concurso de Desenho e Redação da CGU.  Com o tema “Um Por Todos e Todos Por Um! Pela ética e cidadania”, o concurso visa despertar nos estudantes o interesse pelos temas relacionados a controle social, ética e cidadania, por meio do incentivo à reflexão e ao debate nos ambientes educacionais.

Concurso CGU

O concurso é direcionado a estudantes regularmente matriculados em escolas públicas e privadas do país, sendo divido em 14 categorias. Nas categorias de 1º ao 5º ano do ensino fundamental, os alunos poderão concorrer com trabalhos do tipo “Desenho”. Nas categorias de 6º ao 9º ano do ensino fundamental, 1º ao 3º do ensino médio, incluindo a modalidade de educação de jovens e adultos (EJA), os alunos poderão concorrer com trabalhos do tipo “Redação”.  (more…)

maio 24, 2016

GefeSP – Grupo de Educação Fiscal Estadual, na 19ª Feira do Estudante do CIEE

O GefeSP – Grupo de Educação Fiscal Estadual, participou da 19ª Feira do Estudante do CIEE realizada no Pavilhão de Exposições do Parque do Ibirapuera de 20 a 22 de maio.

Destinada a estudantes de ensino médio, médio-profissionalizante e superior, a 19ª Feira foi organizada com o objetivo integrar os jovens ao mercado de trabalho, oferecendo oportunidades de estágios em empresas privadas e órgãos públicos, além de capacitação profissional.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Quem visitou o estande do GefeSP recebeu informações sobre as iniciativas e temas desenvolvidos no Programa de Educação Fiscal, como a importância dos tributos e do controle social dos gastos públicos e dos cursos à distância Ética e Cidadania Fiscal e Orçamento Público, Controle Social e Cidadania Fiscal. Professores e estudantes puderam ter acesso ao conteúdo e estrutura de programas como Fazenda Aberta e Fazenda Vai à Escola oferecidos pela Escola Fazendária de São Paulo e puderem conhecer o jogo de tabuleiro “Caminhando com a Cidadania”, desenvolvido por estagiários do GefeSP na SRFB.

Na ocasião, foram distribuídos materiais didáticos como cartilhas e folders sobre educação fiscal e, pela primeira vez, o público pode ter contato com o mascote Gefe, criado para dar fortalecimento ao Programa Nacional de Educação Fiscal no Estado de São Paulo.

Além do atendimento ao público do evento, ainda foi ministrada a palestra “Educação Fiscal e Cidadania”. Vale registrar que durante o evento foram feitos importantes contatos com o objetivo de fomentar parcerias visando a ampliação do Programa de Educação Fiscal para a Cidadania junto a diversas entidades – públicas e privadas.

Abaixo alguns dados da organizadora do Evento.

Segue parte da repercussão de mídia espontânea televisiva do evento:

ABAIXO SEGUEM NÚMEROS OFICIAIS DA EXPO CIEE 2015:

  • 90 mil inscritos do Estado de SP para a feira;
  • Cerca de 60 mil visitantes durante os três dias de evento;
  • 70 expositores;
  • 156 ônibus de Instituições de Ensino visitaram o evento;
  • Mais de 56 Mil curtidas no www.facebook.com/expociee;
  • 100 Palestras foram realizadas durante os 3 dias de evento e 11.500 mil assistiram as palestras realizadas nos 5 auditórios;
  • 530 Estudantes participaram das 21 atividades de Simulação de Dinâmica de Grupo realizada pelo CIEE.
  • 585 Carteiras de Trabalho foram emitidas no evento pelo CRA/SAESP;
  • 6500 pessoas foram atendidas no Cyber CIEE sendo que 4000 foram encaminhados para vagas de estágio e aprendizagem;

 

abril 15, 2016

Curso EaD Ética e Cidadania Fiscal – gratuito

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo, por meio da Escola Fazendária – Fazesp – informa que estão abertas as inscrições para o curso autoinstrucional “Ética e Cidadania Fiscal”  – Turma 01 de 2016

O curso será realizado no próprio ambiente virtual da Fazesp e é direcionado a cidadãos interessados em conhecer e contribuir para a melhoria da compreensão pública sobre tributação, responsabilidades do Estado e exercício da cidadania, aperfeiçoando, assim, a transparência na gestão pública e na prática da responsabilidade fiscal.

É com muita satisfação que o Centro de Educação Fiscal da Escola Fazendária de São Paulo – FAZESP, apresenta o curso “Ética e Cidadania Fiscal”.

informativo_etica_1turma

Sabemos que a atuação do Estado na vida das pessoas é uma realidade, já que pagamos tributos quando consumimos, auferimos renda ou possuímos patrimônio, e o Estado tem que aplicar esses recursos para prover as políticas públicas e os serviços públicos que interessam à sociedade, como saúde, educação, segurança, entre outros. (more…)

Próxima Página »

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: