A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

março 10, 2017

Polenta italiana

Cresci em uma família de descendentes de italianos em que a cozinha sempre foi o centro da casa. E a comida sempre foi o ponto central de tudo. Do início das conversas até as trocas de receitas, de tudo. E a polenta sempre esteve presente. Mole ou dura, frita, com molho ou sem molho, feita no forno com queijo, couve picadinha e carne moída, com frango, e também pura. Enfim, polenta é uma daquelas comidas que têm gosto de casa.

Ainda muito velhinha a minha avó fazia questão de preparar sua polenta no fogão a lenha, em tacho de cobre e mexendo com colher de pau. Depois de pronta era despejada sobre a mesa de madeira ou sobre uma pedra de mármore e sempre cortada com barbante. Minha avó dizia ser pecado cortar a polenta com faca. Dizia que preparava a receita que aprendeu com a mãe, que era de Pádua, Itália e que lá era um alimento básico para as famílias mais pobres.

O milho é originário da América Central, mas foi introduzido na Espanha por Cristóvão Colombo e de lá foi levado ao norte da Itália entre os séculos 16 e 17. Na ilha de Torcello, na Laguna de Veneza, e em outras terras venetas (de onde vieram todos os meus antepassados, tanto por parte de mãe como de pai), o grão era cultivado em grandes quantidades, sendo sua farinha, misturada a outros cereais, usada na fabricação de pão e também exportada. (more…)

janeiro 10, 2016

Dicas para uma viagem econômica

Prometi – e estou sendo cobrado! (rs) de que iria falar sobre como faço o planejamento de minhas viagens – sempre muito econômicas. Então vamos para algumas dicas.

Roteiro da viagem de final de ano

São Paulo/Milão – 08/12, com chegada em 09/12
Milão/Budapeste – entre 09/12 a 14/12
Berlim – 14 a 20/12 (dia 18 Potsdam)
Milão – 20 a 29/12 (dia 24 – Lago de Como e dia 28 – Bérgamo)
Veneza –  bate e volta 26 e 27/12
Milão/São Paulo – 30/12

Este slideshow necessita de JavaScript.

Começando pela passagem aérea – que representa grande parte dos custos da viagem e onde invisto grande parte do planejamento.
Minhas férias são de 30 dias e sempre as divido em dois blocos de 15 – um na metade do ano e outro no final do ano. Sempre procuro tirá-las perto de um feriado e assim ganho dias a mais. Os roteiros sempre são feitos com muita antecedência. Entre doze a 6 meses. Começo a pesquisar preços de passagens em sites confiáveis. Assino o blog Melhores Destinos que sempre tem dicas e pesquisas excelentes! Por exemplo – em 2013 viajei para a Itália pela Ibéria, por cerca de R$ 800,00 reais! (ida e volta, já com as taxas em pesquisa divulgada no site). Portanto, comece a pesquisar os preços e roteiros com bastante antecedência e quando surgir, seja rápido na compra. Dica – o Melhores Destinos tem aplicativos para Iphone e Android. (more…)

novembro 26, 2013

Roma merece o meu amor! Parte 1

Para iniciar as férias, nada melhor que dizer que estou longe, bem longe do Brasil. Em agosto de 2007 fui de férias para Itália, um dos países que mais curiosidade tinha de visitar, pois, todos os meus antepassados vieram dele. E aquela foi uma dass viagens da minha vida. Passeei por Roma, Florença, Veneza e Milão, mas ficou ainda muito por ver… Tudo na Itália parece um museu a céu aberto, com tanta cultura, arte maravilhosa, e divina gastronomia. É verdadeiramente uma experiência para todos os sentidos. E hoje, estou novamente em Roma!! E quero leva-los  a visitar Roma, uma cidade imponente, cheia de riqueza e repleta de vestígios de um dos maiores impérios de todos os tempos. Vale a pena sentir a cidade, o seu burburinho inerente, o trânsito caótico, mas de um caos organizado. Ver as frutas frescas, as fontes espalhadas por toda a cidade.

Nas fotos acima, loba, que alimentou Rómulo e Remo, os irmãos fundadores de Roma, e a zona do Capitólio, onde se encontra a escultura.
Acima, o Arco de Constantino e as ruínas do fórum romano, ainda com alguns vestígios dos templos construídos aos deuses da epoca.
Li em algum lugar que o escritor Gore Vidal disse que além de Roma não  deve haver outra cidade para assistir ao fim do mundo. E, no entanto, foi daqui que o mundo partiu. Sera que regressaremos? Entre as histórias que querem que vejamos e o que imaginamos, é em Roma que a ideia de eterno se revalida.  (more…)

Blog no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: