A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

agosto 28, 2016

Os quintais de minha infância sempre foram cheios de vida

Os quintais de minha infância sempre foram cheios de vida. Flores, borboletas, passáros, verduras legumes e frutas.

A minha mãe tinha muito orgulho do jardim, uma vaidade que não escondia e que crescia quando vizinhos e parentes o elogiavam. Idem para a horta que meu pai cultivava no fundo do quintal.

As flores que minha mãe cultivava eram como se pertencessem às joias da coroa – meio que impossíveis de toca-las. E é bem no fundo de minha memória que ficam guardados os perfumes e cores do jardim da minha infância. Exuberante, cheio de recantos e flores de várias espécies. Tinha até uma cerquinha de madeira para não ser pisoteado ou invadido pelos cães da casa.

flores

Nosso quintal era um bom lugar para brincar, pois a graça daqueles canteiros, da mistura de laranjeiras e roseiras, ameixeiras e margaridas estava nessa junção de jardim com pomar – um viveiro de flores a fazer fronteira com a horta. Um pouco adiante, em canteiros cercados por uma paredinha de terra ou tijolos, o meu pai semeava alfaces, rúculas, almeirões e tomates. Havia sempre no quintal um vigoroso pé de alecrim, outro de capim cidreira, poejos, hortelã, e tudo quanto era ervas para chás e unguentos. (more…)

julho 15, 2013

Ramadã – o mês Muçulmano de jejum

Quem passa por aqui sabe que pratico Yoga e que sou iniciado por Ananda Marga, que também pratica o jejum – tema desse post.

O Jejum é uma das práticas mais antigas, seja como disciplina espiritual, seja como método de cura.

Mas, atenção – antes de praticar o jejum é recomendável consultar um médico para saber se seu corpo físico poderá ficar sem alimento (no caso do jejum de Ananda Marga, são 24 horas). Pessoas que tem problemas com hipoglicemia, por exemplo, não podem ficar muito tempo sem glicose. Existem algumas enfermidades que não permitem a prática do jejum por isso a necessidade de se fazer uma consulta médica e obter orientação.

Jejuar periodicamente é muito benéfico para o corpo por múltiplas razões. Uma das funções do tecido sanguíneo é transportar substancias nutritivas do intestino delgado para as células dos diversos tecidos e inversamente, acarrear os desperdícios das células para que sejam eliminados através dos rins. Quando, devido ao jejum, o sangue não leva alimentos às células, estas podem acarrear os desperdícios, ou seja, dá-se um processo de purificação física.

Podemos dizer que o intestino, estômago e os órgãos internos agradecem esse tempo para poderem dar uma relaxada e ao mesmo tempo sendo um grande remédio para cura de muitas enfermidades.

Os benefícios do jejum não se limitam ao corpo. Esta prática também é boa para purificar a mente e fortalecer o caráter.

Em Ananda Marga, recomenda-se jejuar duas vezes por mês nos dias de Ekadashi (décimo primeiro dia depois da lua cheia e da lua nova). Um dia de jejum significa jejuar desde o nascer do sol do dia do jejum até a saída do sol do dia seguinte.

O jejum de Ananda Marga completo é sem água e sem comida. Caso, você tenha problemas no início poderá tomar água com limão ou ainda para poder acostumar o corpo gradativamente poderá tomar sucos de frutas.

A forma de romper um jejum completo é muito importante. Recomenda-se tomar um copo de água com limão colocando uma pitadinha de sal, isso aumenta as propriedades do limão e tiram a acidez. Depois de tomar a água com limão é muito bom comer uma banana madura ativando assim o aparelho digestivo.

Mas, aqui, quero me aprofundar um pouco mais sobre o Ramadã praticado pelos Muçulmanos.

ramada

Começou no último dia 10 de julho o Ramadã (Ramadan) – que é o mês em que muçulmanos devem fazer jejum entre o nascer o e pôr do sol com a intenção de aprender mais sobre paciência, humildade e espiritualidade. Eles começam o dia com uma refeição chamada Suhour que deve ser ingerida antes do amanhecer. Assim que o sol nasce, a primeira das orações, Fajr, é oferecida, ao longo de cada dia são feitas outras quatro orações. O jejum é quebrado ao pôr do sol comendo uma refeição (Iftar).  (more…)

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: