A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

abril 11, 2017

Professores da Rede Estadual de SP – oportunidade de formação

Todos os profissionais que atuam na Secretaria da Educação do Estado de São Paulo poderão participar da 1ª edição de 2017 do curso Ética e Cidadania Fiscal, oferecido pela Escola Fazendária do Estado de São Paulo (Fazesp).

O conteúdo será apresentado por meio de exemplos e situações cotidianas, e entre os temas abordados estão o Brasil e seus desafios; o papel da educação na transformação da sociedade; a estrutura dos poderes e suas atribuições; a classificação dos tributos; o panorama da sociedade brasileira atual; o controle, transparência, lei de acesso à informação e participação social; o que é ética e a diferença entre ética e moral.

Com carga horária de 80 horas, o curso terá quatro módulos: Convite à cidadania fiscal; Ética, Democracia e Cidadania; Como o Estado obtém recursos para a sua manutenção?; e Orçamento Público, Controle, Transparência e Participação Social.

Para aprovação e emissão de certificado será necessário alcançar conceito “Satisfatório”, mínimo de 70% de aproveitamento e frequência mínima de 75%.

O curso é gratuito e será realizado a distância, no próprio ambiente virtual da Fazesp. As inscrições podem ser feitas de 3 a 17 de abril de 2017 ou até esgotarem-se as vagas.

Clique aqui para se inscrever no curso e aqui para consultar o Manual de Inscrição.

Público-alvo: profissionais que atuam nos três quadros da Secretaria Estadual de Educação (QM, QAE e QSE)
Inscrições: 03 a 17/04 (ou até esgotarem-se as vagas)
Período de realização: 17/04 a 09/08
Modalidade: a distância
Carga horária: 80 horas

O curso está autorizado pela EFAP/SEE e contará para a evolução funcional pela via não acadêmica, de acordo com a regulamentação vigente relativa ao quadro de atuação do servidor.

fevereiro 1, 2015

Por uma melhor valorização dos (bons) Professores

Em alguns países do mundo, entrar em um curso de licenciatura, que oferecerá ao final a oportunidade para se ser professor é quase tão difícil quanto entrar nas melhores universidades do mundo. Na Finlândia, por exemplo, é assim. O candidato tem que se submeter a um exame de acesso e, se aprovado, ser avaliado numa exigente entrevista. E apenas um em cada dez candidatos consegue e, no caso dos cursos de ensino básico, a média é ainda inferior: na universidade de Helsínquia (2011-2012), candidataram-se 1789 para somente 120 vagas. Quem não conseguir entrar numa das poucas universidades que oferece o curso, fica de fora – não existe outra alternativa para ser professor. Os finlandeses só confiam nos melhores entre os melhores para preparar as gerações futuras nas suas escolas. Por isso, ser professor na Finlândia tem tão ou mais prestigio do que ser médico e, internacionalmente, o país é reconhecido pelos bons desempenhos dos seus alunos.

valorizacao

Sabemos que por aqui não é assim. Os melhores alunos do segundo grau não querem ser professores, o acesso aos cursos de licenciatura não é competitivo e, geralmente, quem frequenta esses cursos são os alunos que apenas obtiveram resultados médios ou fracos no seu desempenho escolar, com raras exceções. Ou seja, confiamos a missão de preparar os jovens do futuro àqueles que, hoje, estão entre os piores alunos da sua geração. E os resultados disso estão à vista: nas comparações internacionais o Brasil tem baixos níveis de desempenho escolar, e entre nós, tornar-se professor está longe de ser uma opção de carreira de prestígio. Mas, de novo eu digo: há exceções – em nossas escolas também temos ótimos e dedicados professores que fazem de tudo por amor a profissão.  (more…)

fevereiro 5, 2014

Benefícios oferecidos aos professores da rede estadual de SP

Se você é professor, leia o texto abaixo e saiba quais benefícios pode ter em várias áreas, como lazer, transportes, etc.

1) Entretenimento   – Meia entrada em cinema, teatro e similares:

A Lei Estadual 10.858/01, alterada pela Lei 14.729/12, concede meia entrada em estabelecimentos que proporcionem lazer e cultura, praças desportivas e similares aos professores da rede pública estadual e das redes municipais de ensino, desde que apresentem carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo e ou holerite, com documento de identidade. Lembrando que a carteira funcional é emitida pela Diretoria de Ensino e o holerite pode ser obtido no site da Fazenda clique aqui

2) Sessão de cinema grátis e com direito a acompanhante:

Aqui no estado de São Paulo, o Espaço Itaú de Cinema (Capital) e Cinespaço  (Santos) oferecem aos professores (cadastrados) uma sessão de cinema grátis aos sábados –  Shopping Frei Caneca, em São Paulo, e na cidade de Santos, no Shopping Miramar, Av. Marechal Floriano Peixoto, 44 – Gonzaga.  Para isso, o professor deve primeiro se cadastrar no site do Clube do Professor clique aqui o qual emite uma carteirinha que pode ser retirada nos cinemas indicados acima.  (more…)

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: