A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

junho 6, 2016

BairroYungay, em Santiago, Chile

Instalado entre os bares e restaurantes do Bairro Brasil e museus e área artística em torno da Quinta Normal, o Barrio Yungay, rico em história, é um dos bairros patrimoniais mais bonitos de Santiago .

A cem anos atrás foi a área mais exclusiva de Santiago , mas como muitas vezes acontece, ao longo dos anos, as famílias ricas se mudaram para lugares com mais verde e o bairro começou a declinar. As mansões imponentes desta área estavam vazias durante décadas, somando-se seus problemas com os danos causados por terremotos, o mais recente em 2010 e negligência. Felizmente, muitos projetos de resgate estão restaurando o Barrio Yungay, devolvendo-o aos seus dias de glória, e os vizinhos têm ajudado a desenvolver um forte senso de comunidade e orgulho na área.

A diversidade fascinante do Barrio Yungay é melhor entendida ao caminhar por ele. E esta é uma maneira agradável para passar uma manhã ou uma tarde na capital do Chile.

Eu fiz um roteiro sugerido pelo chile.travel/blog, no site oficial de turismo de Santiago, o qual tento reproduzir aqui. (more…)

abril 29, 2014

São Paulo e suas fontes e chafarizes abandonados!

Vários chafarizes da cidade de São Paulo estão secos e sujos. Os instalados na Praça da Sé e República estão funcionando, mas, servem de piscina para o banho de desocupados, para lavar roupas e depósito de sujeiras. Ponto positivo para os servidores da limpeza urbana, que tentam diariamente, e a todo custo, deixar os chafarizes e lagos limpos – mas, com uma população que parece ter saído da Idade Média, não é fácil manter tais equipamentos urbanos em condições desejáveis.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Símbolo de convivência comunitária no século 19, tais equipamentos agora refletem a degradação do espaço público em São Paulo em plena metrópole.
Não há água no chafariz da Ladeira da Memória nem em qualquer outro chafariz do Vale do Anhangabaú. Situação idêntica se encontra o chafariz da Avenida Nove de Julho. (more…)

julho 1, 2013

O público e o privado – por Augusto Bernardo Sampaio

 Excelente artigo do amigo Augusto Bernardo Sampaio, do Amazonas, mostrando a grande diferença entre o patrimônio público e o patrimônio privado, que está em quem detém sua posse e no modo como ele deve ser utilizado. Cabe então perguntarmos: se o patrimônio privado pertence a um indivíduo ou empresa, a quem pertence o patrimônio público? No artigo, Augusto nos mostra que ele pertence aos cidadãos de um país, estado ou cidade. O patrimônio público é um conjunto de bens que se encontra sobre o poder do governo – seja ele federal, estadual ou municipal –, mas que pertence a todo o povo. Aproveitem a leitura!

AUGUSTO-BERNARDO-SAMPAIO-CECÍLIO

 Augusto Bernardo é auditor fiscal da Sefaz e coordenador do Programa de Educação Fiscal no Amazonas

Em nossos dias, uma das situações mais corriqueiras e factuais é o cidadão confundir os governantes com o Estado e considerar as coisas públicas como se não fossem nossas e como se nós, o povo em geral, não fôssemos os únicos responsáveis diretos pelo bem-estar de toda a sociedade.

Invariavelmente, essa situação provoca um afastamento do cidadão do poder público e isola o governante, que fica mais à vontade para incorrer em desmandos e cometer desatinos que estimulam o desprezo pela responsabilidade social e fiscal. Isso resulta numa prática governamental ineficiente e ineficaz, deixando de cumprir corretamente suas funções para com aqueles que decretaram sua eleição através do sufrágio universal.  (more…)

Blog no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: