A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

março 3, 2017

I Seminário Internacional Arquivos, Mulheres e Memórias

I Seminário Internacional Arquivos, Mulheres e Memórias

Programa

Tradução em Libras disponível. Faça sua solicitação no ato da inscrição, com no mínimo dois dias de antecedência da atividade.

O I Seminário Internacional Arquivos, Mulheres e Memórias visa estimular reflexões epistemológicas e metodológicas, de caráter interdisciplinar, acerca dos desafios e potencialidades dos arquivos de mulheres. Realizado pelo Centro de Pesquisa e Formação do SESC e o Instituto de Estudos Brasileiros da USP, com o apoio da Capes, tem como objetivo pensar os arquivos como espaços para a valorização da memória feminina e como fontes para a escrita da história. O seminário será composto de 10 mesas, conferência de abertura e conferência de encerramento e acontecerá ao longo de quatro dias.

Inscreva-se agora

Atividades Pré-Eventos:
de 22 a 25 de março no Instituto de Estudos Brasileiros da Universidade de São Paulo.

Encontro com pesquisadores: 24 de março de 2017 (sexta-feira)
9:30 – 13:00 – Cerimônia e atividades de abertura
14:30 – 16:30 – Mesa de pós-graduação
17:00 – 19:00 – Mesa de pós-graduação
19:00 – 19:30 – Encerramento

Mais informações:
Instituto de Estudos Brasileiros da Universidade de São Paulo
Divisão Científico-Cultural +55 11 2648-0024 | iebcientifica@usp.br (more…)

março 6, 2015

No Dia Internacional das Mulheres, uma homenagem aos homens!

Um comercial uruguaio encontrou uma maneira original para falar sobre a igualdade de gênero!

Dia 08 de março é comemorado o Dia Internacional da Mulher. Esse ano será comemorado no próximo domingo. Em todos os meios de comunicação começaram a pipocar avisos, campanhas e mensagens para homenagear as mulheres em seu dia e para destacar o longo caminho que falta para que alcancem a igualdade de gênero.

Feliz-hom

Pensando nisso, uma empresa uruguaia se destacou com um original vídeo que fala da igualdade de gênero, porém desde outro ponto de vista: todas as coisas supostamente “femininas” que os homens agora também podem fazer, graças a luta das mulheres para ganhar maiores espaços na sociedade.

Dessa forma, o laboratório de medicamentos Urufarma, dedicado a fabricar anticoncepcionais, celebra a “grande luta” masculina que agora permite a eles, entre tantas outras coisas, chorar, ver novelas, trocar fraldas, enamorar-se de quem e por quem quiser – e até estar unido a um outro homem!

“E a luta das mulheres tem dado frutos. Por fim nós, os homens, podemos fazer as mesmas coisas que as mulheres. Felicitações, homens, vocês merecem.  Nossa luta é para todos”, conclui a voz da narradora, em off, ao final do vídeo. “Feliz dia, homens” foi realizado pela agência Notable e inspirado em um texto da blogger uruguaia @catatonias.

agosto 13, 2014

As mulheres e o assédio sexual nas ruas e nos transportes públicos

O projeto de lei que previa carros preferenciais para mulheres em trens e metrôs do estado de São Paulo, foi vetado pelo governador Geraldo Alckmin no último dia 11. O projeto denominado vagão rosa, como seria chamado o vagão exclusivo para as mulheres em trens e metrôs de São Paulo, foi questionado por alguns grupos que se mobilizaram para pedir o veto, que consideravam a medida segregacionista. “Desde o início não vi com bons olhos o projeto. Acho que segregar, separar, não parece ser o caminho adequado”, disse o Governador Geraldo Alckmin durante a coletiva de imprensa esta tarde no Palácio dos Bandeirantes, em nota divulgada pelo gabinete. Outras razões sustentam o veto. Segundo Alckmin, para coibir o assédio e motivar a denúncia, mais seguranças mulheres foram contratadas e há câmeras de vídeo instaladas em todas as estações e em “mais da metade dos trens”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O projeto de lei, que foi protocolado no começo do ano passado, tinha até amanhã, dia 14 de agosto, para ser sancionado pelo Governador Geraldo Alckmin, já que foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado em 4 de julho. Caso entrasse em vigor, as empresas responsáveis pelos trens e metrô no Estado teriam 90 dias para adaptar o serviço, ainda que não estivesse definido no projeto a quantidade exata de vagões exclusivos para mulheres. “No mínimo um vagão por trem”, dizia o texto. Pelo que vejo, essa é questão vai muito mais longe – tem que acontecer uma mudança de cultura, pois as mulheres saem dos ônibus ou do metrô e continuam sofrendo assédio. Não é só nos meios de transportes que ele acontece. (more…)

março 10, 2014

O assédio contra as mulheres na rua!

Todos os dias venho e volta a pé de casa para o trabalho e vice-versa. Caminho uns 25 minutos pelas ruas e calçadões do centro histórico de São Paulo. E, pelo caminho, vejo sempre “os lobos”, que “comem” as mulheres com os olhos e soltam seu gracejos.

Ouço de “Fiu-Fiu”, “Linda”, “moça bonita”, “a beleza é de nascença?!”, até os mais vulgares como “gostosa”, “vai ser boa assim na minha cama”, “te laberia todinha”, “delícia”, “você está no ponto que eu gosto”…  e por aí vai.

assedio

Com isso tudo surge a questão: Será que toda a mulher está interessada em ouvir cantadas de desconhecidos no espaço público? E os homens estariam satisfeitos se essas cantadas fossem para as suas mães, irmãs ou filhas? Define-se o assédio no espaço público quando alguém recebe um “elogio” ou “cantada” de um desconhecido que de certa forma  ofenda, constrange, humilha ou apavora. E nestes casos, as mulheres são as mais afetadas por este ato, que é considerado violento. (more…)

outubro 30, 2013

Mujer en amor – mulheres argentinas posam nuas para comprar um mamógrafo

O  Outubro Rosa é um movimento realizado em todo o mundo, no qual o intuito é chamar a atenção para a realidade atual do câncer de mama e seu tratamento. Mas, uma iniciativa curiosa aconteceu na Argentina. Leia abaixo.

Todas elas posaram sem roupas por uma causa solidária. São sessenta mulheres com idades entre 25 e 60 anos e que são arquitetas, funcionárias públicas, comerciantes, donas de casa, artesãs e professoras. Posaram nuas para um calendário 2014 denominado “Mujer em amor” (“Mulher em amor”), que será vendido a partir do mês que vem pela internet e com entrega a domicílio. E fizeram isso para financiar a compra de um mamógrafo para um hospital público da cidade de Villa la Angostura, da região da Patagônia. Além da compra do equipamento, o grupo quer enviar a outras mulheres comuns a mensagem de que devem se aceitar como são, sem plásticas ou “marcadas pela vida”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Elas esperam arrecadar US$ 70 mil (R$154 mil) com as vendas, que serão destinados à compra do equipamento para o hospital Oscar H. Arraiza. As outras imagens estarão disponíveis na página do projeto no Facebook, por meio da qual a fotógrafa Paola Pierini convocou as modelos.  (more…)

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

alimmentos.wordpress.com/

congelados veganos

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: