A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

dezembro 5, 2014

“Memórias da Ditadura” é um portal que resgata histórias da era do regime militar

O lançamento oficial do site aconteceu hoje cedo no Auditório do Ministério da Educação, em Brasília. Participaram do evento a Ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Ideli Salvatti, o Ministro da Educação, José Henrique Paim, a Ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres, Eleonora Menicucci, e a Ministra da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial, Luiza Helena de Bairros.

As-memórias-da-ditaduraCom objetivo de divulgar a história do Brasil no período do regime militar, em especial ao público jovem, o Instituto Vladimir Herzog por meio do Vlado Educação, em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, lançou hoje, dia 05/12, o portal Memórias da Ditadura. A ideia é que a página apresente conteúdos interativos que tenham relação com os dias atuais. (more…)

Anúncios

maio 12, 2014

Educação Financeira nas Escolas – material didático para professores

A Associação de Educação Financeira do Brasil (AEF-Brasil) apresentou no último dia 08 durante um seminário, aqui em São Paulo, a Plataforma Aberta, para acesso aos livros do Programa de Educação Financeira nas Escolas. A ferramenta pode ser usada por professores, escolas e organizações da sociedade civil ligadas à educação. Com esse material, os professores poderão desenvolver nos alunos a capacidade de análise crítica sobre o contexto financeiro pessoal e do mundo, ajudando-os a tomar decisões para a compra e o investimento conscientes.

Livro3-bens-publicos

Ao todo, são nove livros (temas principais) contendo 72 situações didáticas que orientam os professores a aplicarem conceitos financeiros ligados aos conteúdos sociais. Os livros foram usados em um projeto piloto desenvolvido com jovens de 14 a 21 anos do ensino médio, que receberam aulas de educação financeira como parte da Estratégia Nacional de Educação Financeira (Enef), ligada ao Ministério da Educação (MEC).

Faça o download dos materiais aqui

O projeto foi conduzido em 448 escolas em todo o país e envolveu 27 mil alunos e 1,5 mil professores, que tiveram 16 horas de treinamento. Depois das aulas, uma pesquisa foi feita com mais 550 escolas para identificar as diferenças entre os alunos que receberam aulas de educação financeira e os que não receberam. Segundo a AEF-Brasil, foi constatado que os integrantes do primeiro grupo apresentaram um nível de conhecimento financeiro 7% maior dos que os do segundo grupo. As famílias dos alunos que participaram das aulas tiveram um nível de poupança 1% maior do que antes do curso. (more…)

novembro 6, 2013

Prêmio Nacional de Educação Fiscal 2013 – FEBRAFITE – Finalistas

A Comissão Julgadora do Prêmio Nacional de Educação Fiscal escolheu no último dia 04 de novembro, as dez iniciativas finalistas à edição 2013 do Prêmio, uma ação da FEBRAFITE,  em parceria com a Escola de Administração Fazendária – ESAF e do Programa Nacional de Educação Fiscal – PNEF.

3042

Esta edição recebeu 190 inscrições de 19 estados e do Distrito Federal e participarão da grande noite de premiação os coordenadores dos projetos em atividade no Amazonas (02), Distrito Federal (01), Pará (01), Paraná (01),  Santa Catarina (01), Minas Gerais (01), São Paulo (01) e Rio Grande do Sul (02).  (more…)

dezembro 4, 2012

Regulamentação da profissão de Historiador

 A notícia abaixo discorre sobre o projeto de lei aprovado pelo Senado, que regulamenta a profissão de Historiador e saiu no Estadão de hoje. Especialistas debatem a notícia, dizendo que faltariam profissionais (Professores) na educação básica do país.

AUBER SILVA E DAVI LIRA – O Estado de S.Paulo

A proposta de regulamentação da profissão de historiador aprovada recentemente pelo Senado, caso sancionada, pode acentuar o déficit de professores de história na educação básica e expor uma oferta de especialistas em assessoramento, pesquisa e documentação inferior à atual demanda. As opiniões sobre as consequências do projeto, que ainda vai ser analisado pela Câmara e então seguir para o aval da presidência, são de especialistas consultados pelo Estado.  (more…)

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: