A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

novembro 26, 2012

Montevidéu e seus encantos…

Em Montevidéu dá aquela impressão que quase todo mundo conhece todo mundo. E lá vive quase metade de toda a população do Uruguai. Um milhão e meio de pessoas, o mesmo número de habitantes de um bairro grande de São Paulo, Cidade do México e Buenos Aires. E isso é uma atração para os visitantes estrangeiros. Não  há arranha-céus e os edifícios que parecem grandes e altos não intimidam o turista, mas sim os deixam atraídos por sua rara beleza como o Palácio Salvo ou a torre das telecomunicações. Na capital uruguaia ainda há futebol de rua com “traves” formadas por duas pedras e o garçom não tem urgência para limpar a mesa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

É uma capital sem metrô e com um sistema de transporte em plena restruturação. Assim, vale a pena explorá-la a pé. Tudo é mais ou menos próximo. E suas atrações permanecem inalteradas ao longo do tempo: desde a simplicidade de uma feira centenária como Tristan e Narvaja, perto do centro, ao pitoresco Mercado do Porto na Ciudad Vieja, que fica junto ao melhor porto natural da América do Sul. 

Na Feira Tristan e Narvaja  você encontra frutos curiosos, legumes e queijos, além de primeiras edições de livros antigos ou antiguidades diversas. Tudo misturado, como em uma aldeia, mas no centro da capital: em frente à Biblioteca Nacional e da Faculdade de Direito.  (more…)

novembro 23, 2012

Jardim Botânico de Montevidéu – um passeio que revela 600 diferentes plantas do mundo

O Jardim Botânico de Montevidéu é o primeiro e único jardim botânico do país. São 600 espécies espalhadas por três grandes áreas. É conhecido por seu importante trabalho no que diz respeito ao ensino de Botânica.

O Jardim funciona como um centro de atividades científicas, bem como de informação e formação em Ciências Botânicas para o público em geral.

Por suas trilhas pode-se fazer vários passeios temáticos –  há um roteiro ecológico, outro geográfico e um de botânica sistemática – o visitante pode conhecer a flora das diferentes áreas geográficas do mundo e uma extensa exposição de plantas aquáticas, outra de plantas de lugares secos e outra ainda com plantas de sombra.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Jardim Botânico foi criado em 1902 com o intuito de dar contribuição cultural para as pessoas em uma área específica do conhecimento.

No início, apenas um hectare era ocupado pelo Jardim Botânico e possuía infra-estrutura sofrível. Mais tarde foi ampliado para 13 hectares e um quarto, pois foi incorporado o terreno de propriedade do viveiro municipal, superfície que mantém até os dias de hoje.

As três grandes áreas e suas plantas estão agrupadas por parentesco botânico, seus lugares de origem, por grandes regiões ou países, ou suas exigências ecológicas de acordo com as condições ambientais (plantas de sombra, de clima seco e quente ou de água).   (more…)

novembro 19, 2012

O El Rosedal del Prado, em Montevideo

As roseiras já estavam no planeta Terra há milhões de anos quando nós, seres humanos chegamos. Babilônios, sírios, egípcios, romanos e gregos adotaram a rosa como sinônimo de beleza e tentaram dominar o arbusto, mas os ramos escapuliram por caminhos tortuosos e espinhosos. Na Idade Média, os muros dos mosteiros eram cobertos por elas, mas as plantas saltaram acima dos muros e foram adornar palácios, jardins, varandas, pérgulas e poemas. Na Índia, a rosa é elevada a categoria de mito. Nas escrituras hindus ela é descrita como Lakshmi”, a Deusa do amor e da beleza, vinculando-a ao nascimento dessa flor.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nas duas vezes que estive em Montevidéu, pude visitar el Rosedal Juana de Ibarbourou, um passeio público que abriga várias espécies. Juana de Ibarbourou é o nome de uma poeta uruguaia proeminente e isso por si só justifica o nome desse lugar romântico. Em 17 de dezembro, o jardim vai coimpletar um século de vida perfumando o bairro. São poucos anos para a história da rosa, mas é cerca da metade da idade do Uruguai independente.  (more…)

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: