A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

maio 29, 2020

Gilberto Dimenstein e sua relação com a morte

Retrato de Gilberto Dimenstein – Foto de Bruno Santos/Folhapress

Agora pouco, enquanto terminava de lavar as louças do almoço, ouvi a notícia da morte do jornalista Gilberto Dimenstein, aos 63 anos, vítima de um câncer de pâncreas, com metástase no fígado.
Dimenstein foi o criador do site Catraca Livre, jornalista premiado e escreveu no jornal Folha de São Paulo por 28 anos, de 1985 a 2013 – foi diretor da sucursal em Brasília, correspondente em Nova York, colunista e membro do conselho editorial de 1992 a 2013.
Também passou pela CBN, Jornal do Brasil, O Globo, Correio Braziliense, Última Hora, Veja e Revista Visão antes de se dedicar ao jornalismo de causas sociais.
Durante o tratamento contra o câncer Dimenstein definiu a clareza maior da morte como “uma dádiva”. “Não é o fim, mas um começo”, disse em relato à Folha de São Paulo (relato reproduzido abaixo) sobre o diagnóstico da doença, recebido no ano passado.
O texto com a visão otimista sobre a doença e a nova forma de viver a vida viralizou na web. Dimenstein desceu do trem de alta velocidade de onde via uma linda paisagem borrada para escutar bem-te-vis e curtir o neto.
No relato, o jornalista dizia estar vivendo o momento mais feliz de sua vida. “Câncer é algo que não desejo para ninguém, mas desejo para todos a profundidade que você ganha ao se deparar com o limite da vida.”
Ao fazer um balanço de sua vida, Dimenstein avaliou ter feito o bem por praticar um jornalismo de empoderamento. Ele dedicou a carreira a buscar, promover, fomentar, levantar recursos e dar visibilidade a projetos de inovação e de inclusão.
Dimenstein também se dedicou a projetos educacionais. Criou o programa bairro-escola, desenvolvido por meio do Projeto Aprendiz e replicado pelo mundo com ajuda da Unicef e Unesco. O projeto de formação profissional foi considerado referência mundial e “um exemplo de inovação comunitária” pela Escola de Negócios de Harvard.
Dimenstein era presidente do conselho da Orquestra Sinfônica de Heliópolis, em São Paulo, e membro do conselho consultivo do Museu do Amanhã, no Rio.
O texto abaixo, que li em dezembro do ano passado, não sai de minha cabeça. Leia e guarde-o!

(more…)

fevereiro 17, 2017

Amor é Tudo que Você Precisa

Ontem à noite assisti um daqueles filmes leves, gostosos e com uma boa mensagem: O Amor é Tudo que Você Precisa – titulo original Den skaldede frisør da diretora dinamarquesa Susanne Bier. Fiquei encantado, fascinado, apaixonado, desde as primeiras sequências e permaneci assim até o final do filme.

O Amor é Tudo que Você Precisa é uma comédia romântica com uma pontinha no drama. Há problemas, imprevistos, desencontros e no final tudo acaba bem. Previsível assim.

Os cartazes do filme mostram um casal quase se beijando. Ele é Pierce Brosnan – a mulher, uma loura de cabelos longos, que nós, brasileiros, não conhecemos, mas o fato é que os cartazes mostram o que o filme não esconde e que demora muito a mostrar.

Resultado de imagem para Amor é tudo o que você precisa

Pierce Brosnan é um empresário bem sucedido e travado emocionalmente. Ida (interpretada por Trine Dyrholm, uma atriz dinamarquesa de beleza forte e nada convencional), aparece logo de cara na tela diante de sua médica. A quimioterapia terminou, informa a doutora; com mais alguns exames, ela poderá ser declarada livre do câncer que acometeu sua mama. A médica sugere que Ida faça então uma cirurgia de reconstrução do seio que foi retirado. Ida diz que não é necessário; o marido fica feliz, desde que ela continue fazendo o doce de que ele gosta – a torta de limão. (more…)

Blog no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: