A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

julho 7, 2014

Portal da Transparência – aprenda a controlar os gastos do Governo Federal, Estadual e Municipal

A melhor maneira que exite de você, como cidadão, controlar o que está sendo gasto pelos setores públicos é fiscalizando, acompanhando e cobrando. Mas para que você tenha acesso aos gastos é preciso que todos os órgãos tenham os chamados “portais da transparência”, onde devem constar os recursos investidos, relação dos funcionários, folha de pagamento, etc.Tudo o que o governo gasta vem dos impostos e taxas que pagamos. Com informação, podemos fazer com que esse dinheiro, o dinheiro público, seja bem aplicado, ajudando a melhorar a vida de todos.

campanha transparencia

Aprenda a controlar os gastos do Governo Federal, Estadual e Municipal e garantir, assim, a correta aplicação dos recursos públicos.

Nossos administradores – prefeitos, governadores e o presidente – têm o dever de gastar corretamente os recursos e prestar contas. E nós temos o direito de saber como esses recursos estão sendo aplicados.

Órgãos públicos e organizações não-governamentais (ONGs) fornecem algumas ferramentas que auxiliam a fiscalização por parte do cidadão. Confira abaixo: (more…)

julho 4, 2014

São Paulo e seus grafites!

São Paulo já é considerada a capital mundial do grafite.  Os grafites e pichações vêm tomando conta de mais de 1.500 quilômetros quadrados de paredes e muros da cidade.

Obra de Os Gêmeos

Obra de Otávio e Gustava Pandolfo, mais conhecidos como Os Gêmeos

Esse tipo de arte pode não agradar a todos os gostos. Mas todos têm a mesma opinião: São Paulo é uma cidade cinza, e o grafite insere cor a esse cenário!

Os irmãos Otávio e Gustava Pandolfo, mais conhecidos como “Os Gêmeos”,  podem até não ter o devido reconhecimento que a dupla de artistas merece por parte da cidade. São conhecidos, ao redor do mundo, pelos trabalhos que misturam um certo realismo fantástico com personagens bem característicos, sempre com cores e figuras geométricas parecidas. Começaram a grafitar em 1987 no bairro do Cambuci, na zona sul da capital paulista. Quatro anos depois da última grande exposição que fizeram por aqui,  voltam a abrir seus trabalhos ao público, desta vez, entre quatro paredes. A partir do último dia 1º de julho, a galeria Fortes Villaça, na Barra Funda, abriu para o público a exposição A Ópera da Lua, com obras inéditas e ambiente interativo. A mostra, que fica em cartaz até o dia 16 de agosto, é feita por 30 pinturas, três esculturas e uma vídeo-instalação 3D.  (more…)

julho 3, 2014

Messi, o filme!

O filme “Messi”, dirigido por Álex de la Iglesia, que mostra a vida do astro argentino eleito quatro vezes melhor jogador do mundo, foi exibido ontem, no Rio de Janeiro, pela primeira vez no mundo em meio a enorme expectativa da mídia e da presença de seu co-escritor, o argentino ex futebolista Jorge Valdano.

O filme, com características de documentário, conta a história de Lionel Messi desde que ele nasceu em Rosário, Argentina, com locações passando por Barcelona e Buenos Aires.

Nele vários personagens que marcaram a vida do atacante argentino discutem a trajetória do jogador. (more…)

julho 1, 2014

Conheça o centro histórico de São Paulo com a Caminhada Noturna!

Todos os leitores do asimplicidadedascoisas sabem que moro no centro de São Paulo e que adoro tudo o que tem por aqui. Hoje quero dar uma dica para quem não conhece o centro e que por um motivo ou outro tem medo de caminhar sozinho por aqui! Mas, como sempre digo – não tem lugar mais seguro para caminhadas que o centro de São Paulo! Tenham certeza disso!

Agora, vamos à dica. Toda quinta-feira, às 20h, é dia de Caminhada Noturna, projeto que ocorre desde março de 2006, sempre com saída e chegada das escadarias do Theatro Municipal. O projeto foi idealizado pelo empresário Carlos Beutel, um paulistano do Bom Retiro que é apaixonado pelas histórias do centro da capital paulista. A caminhada dura cerca de 2 horas e, a cada semana, o tour tem uma temática especial.

Mapa do Centro Histórico de São Paulo

Mapa do Centro Histórico de São Paulo

Veja as fotos da galera que vai para a caminhada na galeria do Flickr (more…)

junho 27, 2014

Colab, o App para compartilhar problemas da sua cidade!

Colab.re – é um aplicativo voltado para a cidadania, que reúne problemas urbanos compartilhados pelos próprios cidadãos. O funcionamento é baseado em três pilares: fiscalizar, propor e avaliar. Fiscalize! Indique problemas e irregularidades da sua cidade, como buracos em vias, iluminação, calçadas…

Colab é uma rede social para usuários compartilharem os problemas de suas cidades.

Colab é uma rede social para usuários compartilharem os problemas de suas cidades. Foto: Gisele Góes

O App foi idealizado por brasileiros e venceu no ano passado o concurso AppMyCity, que avaliou os melhores apps urbanos do mundo. Segundo Gustavo Lima, a ideia do App surgiu do desejo de mudar as cidades. De uma conversa com os sócios Paulo Pandolfi, Bruno Aracaty, Josemando Sobral e Vitor Guedes, saiu a ideia para o aplicativo, com a percepção de que nas redes sociais, a discussão sobre apontar problemas ou para discutir soluções para melhoria das cidades era, e ainda é, grande. Em pouco mais de um ano o App tem mais de 50 mil usuários cadastrados de 1.247 municípios do Brasil, mais de 5 mil fiscalizações e mais de 1500 propostas de soluções e avaliações de serviços, espaços e instituições públicas de diversas áreas. (more…)

junho 11, 2014

“Amigos de Aluguel: você vai viajar? “Alugue” um morador local e fuja dos roteiros turísticos comuns!

O site Rent a local friend foi criado em 2010 pela carioca Alice Moura, que morava em Lisboa e costumava levar amigos e conhecidos para passear pela cidade.

 Se você é desses viajantes que gosta de fugir de roteiros habituais dos turista, como visitas guiadas, com filas enormes, nos museus, vai gostar dessa novidade novidade: o projeto Rent a Local Friend nasceu para incentivar quem viaja a alugar uma pessoa pra passar umas horas na cidade, em programas alternativos.

[vimeo http://vimeo.com/55903175]

Usá-lo é simples. Disponível em inglês, alemão, francês, italiano, espanhol e, claro, português, o site tem uma base de pessoas dispostas a serem guias por um dia em todos os continentes. Há “amigos locais” em lugares como Indonésia, Austrália, África do Sul, México, Estados Unidos, Noruega, Itália, Portugal e Brasil, isso para pontuar apenas alguns lugares. Para conseguir o guia especializado, que estará pronto para mostrar os espaços fora dos pontos turísticos tradicionais, é preciso enviar um e-mail com o pedido e o destino.  (more…)

maio 19, 2014

Um Guia das Favelas do Rio de Janeiro

Você já ouviu falar sobre ou conhece o “Guia das Favelas” do Rio de Janeiro? Ele foi produzido pela Agência de Notícias das Favelas, com dicas de pontos turísticos, gastronomia, compras, hospedagem e como chegar nas onze comunidades pacificadas que participaram do projeto. O folheto destinado aos turistas conta a história das favelas da Providência, Prazeres, Salgueiro, Mangueira, Manguinhos, Complexo do Alemão, Rocinha, Vidigal, Pavão-Pavãozinho/Cantagalo, Santa Marta e Chapéu Mangueira.

Guia das Favelas do Rio de Janeiro

Guia das Favelas do Rio de Janeiro

Pontos culturais das comunidades também são destacados como a Galeria de Arte ao Ar Livre, na Providência ou o Lajão Cultural no Santa Marta entre outras atrações. Lista os mirantes localizados nas favelas como o “Mirante da Divisa” que fica entre o Morro do Salgueiro e o Turano. Além de dar dicas de passeios como a visita ao Teleférico do Alemão. 50 mil exemplares foram distribuídos em quiosques da Riotur, Albergues e Restaurantes. (more…)

maio 15, 2014

A rejeição dos brasileiros à Copa do Mundo de Futebol

O Brasil não investe em hospitais nem em educação, mas investiu muito dinheiro para ser sede da Copa do Mundo de Futebol. Por isso e muito mais, quero que o Brasil seja eliminado na primeira fase, pois muitos aqui merecem esse castigo. Principalmente os políticos, que deverão ter o retorno merecido nas eleições de outubro!

copa

Cartaz colado no Edifício Martinelli, no centro histórico de São Paulo

Lembro que em 2010, semanas antes da Copa do Mundo que aconteceu na África do Sul, as ruas em todas as cidades já estavam enfeitadas em apoio à seleção. Hoje, há menos de 30 dias do evento não vejo isso pelas ruas da capital paulista, sede de jogos e uma das maiores cidades do mundo. Vez ou outra cruzo com um transeunte que veste a camisa da seleção. Bandeiras, chapéus e apitos estão encalhados nas prateleiras das lojas. Nas ruas, ao invés de cartazes e cores “empurrando” a seleção, vejo cartazes do movimento “Não vai ter Copa”(more…)

maio 6, 2014

Um Brasil para inglês ver!

Luiz Ruffato é um escritor brasileiro, nascido em Cataguases, Minas Gerais, no ano de 1961, filho de um pipoqueiro e de uma lavadeira de roupas. Com um de seus romances ganhou o Troféu APCA oferecido pela Associação Paulista de Críticos de Arte e o Prêmio Machado de Assis da Fundação Biblioteca Nacional.  Em 2011 concluiu o projeto Inferno Provisório, composto por cinco livros sobre o operariado brasileiro, com a publicação do romance Domingos Sem Deus.  Sua formação: é torneiro mecânico pelo Senai e trabalhou como operário da indústria têxtil, pipoqueiro e atendente de armarinho quando jovem. É graduado em Comunicação pela Universidade Federal de Juiz de Fora e trabalhou em diversos jornais mineiros até se mudar para São Paulo. Isso no ano de 1990. Por aqui, trabalhou no Jornal da Tarde. Em 2003 abandonou a carreira no jornalismo para se tornar escritor em tempo integral. No ano passado,  em seu discurso de abertura na Feira do Livro de Frankfurt,  fez uma pesada crítica sobre as desigualdades sociais brasileiras. Entre outras questões, falou do passado escravagista, de violência, da população carcerária e de homofobia. Leia aqui o discurso na íntegra.

Copa 2014.2

Em artigos escritos em 28 de abril e ontem, 05 de maio, na sua coluna do El País , Ruffato apontou  algumas informações úteis com o intuito de apresentar o Brasil aos 600 mil torcedores que desembarcarão por aqui para assistir aos jogos da Copa do Mundo, as quais que podem ser lidas abaixo.  (more…)

abril 29, 2014

São Paulo e suas fontes e chafarizes abandonados!

Vários chafarizes da cidade de São Paulo estão secos e sujos. Os instalados na Praça da Sé e República estão funcionando, mas, servem de piscina para o banho de desocupados, para lavar roupas e depósito de sujeiras. Ponto positivo para os servidores da limpeza urbana, que tentam diariamente, e a todo custo, deixar os chafarizes e lagos limpos – mas, com uma população que parece ter saído da Idade Média, não é fácil manter tais equipamentos urbanos em condições desejáveis.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Símbolo de convivência comunitária no século 19, tais equipamentos agora refletem a degradação do espaço público em São Paulo em plena metrópole.
Não há água no chafariz da Ladeira da Memória nem em qualquer outro chafariz do Vale do Anhangabaú. Situação idêntica se encontra o chafariz da Avenida Nove de Julho. (more…)

Próxima Página »

Blog no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

alimmentos.wordpress.com/

congelados veganos

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: