A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

setembro 30, 2015

CGU – assine a Petição Pública de apoio

Embora oficialmente o governo não admita, recentes notícias da imprensa afirmam que a Controladoria-Geral da União perderá o status ministerial e ainda terá suas macro funções (Controle Interno, Corregedoria, Prevenção da Corrupção e Ouvidoria) fatiadas entre a Casa Civil e o Ministério da Justiça, ou seja, o que hoje é a CGU não existirá mais.

Na função de Controle Interno, a CGU realizou inúmeras ações de acompanhamento de Programas de Governo executados pelos órgãos federais, estados e municípios, recuperando e inibindo desvio de recursos. Só as ações de monitoramento da folha de pagamento do Governo Federal geraram uma economia estimada em 1 bilhão e 200 milhões de reais.

Em parceria com a Polícia Federal, Ministérios Públicos Federal e Estaduais, participou de inúmeras Operações Especiais combatendo a corrupção e os desvios de recursos. (more…)

setembro 25, 2015

Governo de SP seleciona 15 startups para inovar políticas públicas

O governo de São Paulo lançou a primeira edição do Pitch Gov SP, programa para atrair iniciativas inovadoras para a solução dos desafios da administração pública, em três áreas: saúde, educação e facilidades ao cidadão. Nesta, foi incluído o Poupatempo e o Acessa SP, programa de inclusão digital que já foi premiado pela Fundação Bill & Melinda Gates.

O objetivo do Pitch Gov é selecionar 15 startups (empresas nascentes de tecnologia) para ajudar o poder público a solucionar demandas da sociedade, com soluções criativas, ao mesmo tempo em que incentiva os pequenos empreendedores a desenvolver seus negócios.

Divulgação

Foto: divulgação

“Na economia digital, um governo inovador busca ouvir as demandas da sociedade, suas opiniões e constrói políticas públicas em colaboração com os usuários”, comenta Julio Semeghini, subsecretário de Tecnologia e Serviços ao Cidadão.

O desenvolvimento de uma solução tecnológica para integrar os diversos canais de atendimento do Poupatempo é um dos 35 desafios. A expectativa é que os jovens empreendedores apresentem uma plataforma para atendimento ao cidadão em multicanais – pelo portal do Poupatempo, via Disque Poupatempo, em aplicativos nos dispositivos móveis e, ainda, no atendimento presencial. A ferramenta deve ser capaz de gerar dados e informações para subsidiar as estratégias do governo em relação ao atendimento ao cidadão. (more…)

Curso Cidadania Fiscal – Turma 5 – a distância – gratuito

Curso Cidadania Fiscal – Turma 5 – a distância

Cronograma:
De 13/10/2015 a 09/11/2015
Objetivo do Evento:
cidfisc3

 – Sinalizar os fundamentos da Educação Fiscal no âmbito do Programa Nacional de Educação Fiscal (PNEF) para o exercício da cidadania.

– Aprimorar uma relação participativa e consciente entre Estado e cidadãos.

– Aprender a defender os direitos e deveres constitucionais dos cidadãos.

Público-alvo: Sociedade em geral
Vagas: 1600

(more…)

Educação Fiscal no ensino superior é discutido em encontro internacional

A ESAF e o Programa para a Coesão Social para a América Latina – EUROsociAL promovem o Encontro Internacional para Desenvolvimento da Educação Fiscal no Ensino Superior do Brasil e América Latina. O evento é fruto do acordo de cooperação entre as duas instituições. Em reconhecimento ao Programa Nacional de Educação Fiscal – PNEF, coordenado pela ESAF, o programa EUROsociAL incluiu como uma de suas metas a criação do curso Educação Fiscal e Coesão Social. Com isso, espera-se promover e institucionalizar a Educação Fiscal como ferramenta para o pleno exercício da cidadania e para a solidificação da democracia participativa no Brasil e na América Latina.

curso

Representantes acadêmicos e de órgãos governamentais do Brasil, Chile, Honduras e México estão reunidos discutindo a disseminação do conhecimento sobre a atividade financeira do Estado e sua relação com o exercício e o fortalecimento da democracia participativa. (more…)

Vamos ajudar a construir a Base Nacional Curricular

O Ministério da Educação (MEC) lançou o site da Base Nacional Comum Curricular (BNC) – plataforma que irá receber sugestões de organizações, redes de ensino e da sociedade em geral para a definição do que os alunos do ensino básico devem aprender ano a ano. No dia 16 de setembro, o MEC divulgou oficialmente a proposta preliminar para, a partir dela, coletar sugestões até o dia 15 de dezembro pelo site do MEC.

base

O portal já está no ar, e é essencial que os Grupos de Educação Fiscal dos Estados e Munícipios (GEFEs e GEFEMs) façam seu cadastro na página para que possam contribuir para a elaboração da base.

A recomendação é que as redes de ensino, os movimentos sociais, entidades classistas e demais grupos enviem propostas já organizadas, que os representem. As contribuições individuais serão consolidadas pelo MEC.

Para reforçar a relevância da temática da Educação Fiscal é imprescindível que as contribuições sejam feitas individualmente e também pelo GEFE, demonstrando o impacto das iniciativas já existentes. Veja no site da ESAF a proposta do PNEF para a BNC.

Fonte: Boletim do Programa Nacional de Educação Fiscal – nº 01

setembro 21, 2015

Dia da Árvore!

Se você já acessou esse blog e teve um tempinho para “passear” pelo que escrevo já sabe que adoro mato, bicho e gente. Já escrevi sobre árvores floridas, sobre os quintais de minha infância, sobre os passarinhos que nos dias de hoje vêm comer as frutas no jardim que cultivo em meu apartamento, e, principalmente, sobre as árvores que povoaram a minha infância. E hoje, 21 de setembro, é o dia delas – As árvores. Todas!

Eu no coqueiro

Eu, com pouco mais de dois anos, com uma palmeira, minha companheira.

Mas hoje, em particular, quero falar de uma que fez parte de minha infância e que ficava em frente ao Grupo Escolar da Vila Alemã (hoje Escola Municipal de Ensino Fundamental Djiliah Camargo de Souza). Era uma “Olho de Cabra” que tinha o tronco torto, cujo nome cientifico é Ormosia arbórea, da família: Fabaceae Faboideae. Hoje, tal árvore é encontrada com pouca frequência naquela região. É mais comum no Cerrado. No sítio de meu avô também tinha uma. É uma árvore de médio porte, de 15 a 20 metros, em geral bem copada, a não ser quando ocorre no meio da mata fechada. A floração é linda – rosa e roxa em cachos. O fruto é uma vagem curta de 6 cm, com uma a três sementes. A semente é dura, de 1,5 cm, é muito bonita, em duas cores, vermelho e preto. Para germinar é preciso quebrar a dormência, por ser muito dura. Infelizmente uma de suas qualidades é a madeira. Por isso muito procurada. A semente é utilizada em decoração, joias e enfeites. (more…)

setembro 13, 2015

Lembranças de minha infância…

A casa em que vivi grande parte da minha infância era uma propriedade alugada. Ficava na rua M-1-A, na Vila Martins, bem em frente onde hoje está a E.E. Prof. João Batista Leme. Ela não tinha laje, o forro de madeira existia somente na sala, e o chão da cozinha era de tijolos. Na frente estavam sendo retirados os trilhos da Maria Fumaça – a antiga estrada de ferro que ligava Rio Claro a Corumbataí. E nos fundos tinha os trilhos da estrada de ferro da Companhia Paulista.

Augusto com 01

Eu, com quase dois anos

A casa era repleta de cheiros. Em épocas como essa, setembro, que antecede a primavera, vinha o cheiro das Jabuticabeiras que habitavam os quintais. E o zunido forte das abelhas e zangões. Dentro da casa tinha o cheiro do pão quentinho saindo do forno, do doce de abóbora com coco, do feijão, do arroz, do molho de macarrão que minha mãe mesmo fazia. Penso que para todos a cozinha sempre é um lugar marcante para a família. Ali, em volta do fogão de lenha, feito de cimento queimado em um vermelho bem escuro e polido – e assim também era o chão da sala e dos quartos –  refletia as cores do fogo da lenha. E do fogo também emanavam cheiros. Dependia do tipo da lenha que se queimava. Volta e meia meu pai subia ao telhado para desentupir a chaminé. Passava uma “tocha” de pano que ficava presa na ponta de uma vara de bambu. Ah, que sabor bom tinha tudo que era feito ali naquela cozinha! Me lembro que ficava ansioso ali do lado esperando terminar o doce de leite com coco. E esse só era feito quando sobrava o leite e quando tinha dinheiro para comprar coco ralado. Em época de milho, a cozinha virava festa com toda a família reunida para preparar o curau e bolo de milho e à noite, o milho assado na brasa da lenha. Milho assado! Esse é um dos cheiros da minha infância. (more…)

setembro 4, 2015

IV SEMINÁRIO INTERNACIONAL ARQUIVOS DE MUSEUS E PESQUISA

A quarta edição do Seminário reunirá especialistas, profissionais e demais interessados no patrimônio histórico cultural internacional para dialogarem e apresentarem suas formações, seus conhecimentos e experiências multifacetadas no universo dos arquivos, bibliotecas, museus e instituições similares de interesse público. Esta interdisciplinaridade lida com desafios cotidianos de gestão de acervos e de capacitação contínua de seu corpo técnico em coleções de diversas tipologias, na maioria das vezes insubistituíveis, de natureza única ou híbrida. É sabido que tal tarefa é pouco provável a um único profissional.

cartaz

A cultura de rede e comunicação imediata potencializa uma horizontalidade e circularidade de conhecimentos e informações em múltiplas linguagens interconectando processos educativos e participativos nas instituições de guarda de acervos e de alcance do público. (more…)

São Paulo – vamos celebrar nossa desunião!

Perfeição

Legião Urbana

Vamos celebrar a estupidez humana
A estupidez de todas as nações
O meu país e sua corja de assassinos
Covardes, estupradores e ladrões
Vamos celebrar a estupidez do povo
Nossa polícia e televisão
Vamos celebrar nosso governo
E nosso Estado, que não é nação
Celebrar a juventude sem escola
As crianças mortas
Celebrar nossa desunião
……..
Vamos celebrar nossa tristeza
Vamos celebrar nossa vaidade.

Vamos comemorar como idiotas
A cada fevereiro e feriado
Todos os mortos nas estradas
Os mortos por falta de hospitais
Vamos celebrar nossa justiça
A ganância e a difamação
Vamos celebrar os preconceitos
O voto dos analfabetos
Comemorar a água podre
E todos os impostos
Queimadas, mentiras e sequestros
Nosso castelo de cartas marcadas
O trabalho escravo
Nosso pequeno universo
Toda hipocrisia e toda afetação
Todo roubo e toda a indiferença
Vamos celebrar epidemias:
É a festa da torcida campeã.

São Paulo – uma cidade de desordens, de sujeira, de desigualdades gritantes, de corre-corre, com a qual seus moradores têm relação de amor e ódio.

IMG_20150903_130303944

É uma cidade de shoppings e a cada nova inauguração há uma espécie de celebração coletiva, o que demonstra que algo está errado, pois quando se comemora a abertura de um novo shopping como se fosse um parque público, é sinal de que a cidade está doente e anda mal das pernas, não é mesmo? (more…)

setembro 3, 2015

Educação Fiscal na Prefeitura de São Paulo

A Prefeitura de São Paulo instituiu o Programa Municipal de Educação Fiscal que tem como objetivo levar à sociedade algumas informações sobre o Estado Brasileiro e o seu funcionamento, com foco na cidadania.

Um dos pontos mais importantes do programa é esclarecer às pessoas qual é a função social do tributo. Por que pagamos impostos? Para onde vai o dinheiro arrecadado? Como podemos fiscalizar o Estado para saber se o dinheiro está sendo utilizado corretamente? E, se a gente não concordar com o seu uso, quais medidas podemos tomar?

Todas as respostas para estas indagações e muitas outras perguntas você vai encontrar no Portal da Educação Fiscal que nossos parceiros no GEFE/SP acabaram de lançar.

Clique na imagem abaixo para acessar a Cartilha de Educação Fiscal e conhecerá a Sucinha, o símbolo da Educação Fiscal do Município de São Paulo. A Suçuarana ou Onça Parda foi escolhida pela população como o animal silvestre símbolo da cidade.

Cartilha Educacao Fiscal

O Portal tem material para atender quatro públicos específicos – jovens, crianças, pais e educadores. Mas tudo também está em linguagem acessível para a população em geral. Acesse!

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: