A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

fevereiro 27, 2015

Como Estrelas na Terra discute a dislexia

Educação como sinônimo de amor. É isso que mostra o filme “Como Estrelas na Terra”. E ele deveria ser o merecedor de todos os prêmios. Mas, antes disso, ele está acima de tudo. Ele é belo, verdadeiro, fala de amor e felicidade com uma sensibilidade incrível. É um daqueles filmes para pessoas que se importam e que acreditam em um mundo melhor. Para os que acreditam que a Educação é o caminho.

Coloque-se em um ambiente silencioso e uma caixa de lenços de papel também será necessária. 

Se você é professor, assista-o! Se não é mas se teve um professor que foi importante para você, ou um que o é para seu filho ou neto, também assista! Não importa quem ou o que você é. O essencial é que você se importe com um mundo melhor – então esse filme foi feito para você!  Talvez se todos o assistissem poderiam ser pessoas mais felizes, plenas, completas, justas, éticas, íntegras, coerentes e conscientes.

É a história de um menino e 9 anos chamado Ishaan Awasthi, ele sofre de dislexia, estuda em uma escola normal e repetiu uma vez o terceiro período e está correndo o risco de isso acontecer de novo. O menino diz que as letras dançam em sua frente e não consegue acompanhar as aulas e nem prestar atenção. Seu pai acredita que ele é indisciplinado e o trata com rudez e falta de sensibilidade.

Abaixo, a sinopse do filme.

Como Estrelas na Terra (Taare Zameen Par) – filme da produção de Bollywood – conta a história de uma criança que sofre com dislexia e custa a ser compreendida. Ishaan Awasthi, de 9 anos, já repetiu uma vez o terceiro período (no sistema educacional indiano) e corre o risco de repetir de novo. As letras dançam em sua frente, como diz, e não consegue acompanhar as aulas nem focar sua atenção. Seu pai acredita apenas na hipótese de falta de disciplina e trata Ishaan com muita rudez e falta de sensibilidade. Após serem chamados na escola para falar com a diretora, o pai do garoto decide levá-lo a um internato, sem que a mãe possa dar opinião alguma. Tal atitude só faz regredir em Ishaan a vontade de aprender e de ser uma criança. Ele visivelmente entra em depressão, sentindo falta da mãe, do irmão mais velho, da vida… e a filosofia do internato é a de disciplinar cavalos selvagens. Inesperadamente, um professor substituto de artes entra em cena e logo percebe que algo de errado estava pairando sobre Ishaan. Não demorou para que o diagnóstico de dislexia ficasse claro para ele, o que o leva a por em prática um ambicioso plano de resgatar aquele garoto que havia perdido sua réstia de luz e vontade de viver. O filme é uma obra prima do até então ator e produtor Aamir Khan.

Tempo: 140 min
Tipo: Drama
Direção: Aamir Khan, Amole Gupte
Roteiro: Amole Gupte
Elenco: Aamir Khan (Ram Shankar Nikumbh), Darsheel Safary (Ishaan Awasthi), M.K. Raina (Diretor Principal), Sachet Engineer (Yohaan Awasthi/Dada)
Produtores: Aamir Khan
Países de Origem: Índia

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Obrigado por assinar o meu blog! Espero que goste!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: