A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

janeiro 23, 2015

Museu do Louvre em Abu Dhabi será inaugurado esse ano!

O Louvre Abu Dhabi será uma das primeiras instituições situadas no centro do Distrito Cultural de Saadiyat, sem precedentes em quanto a escala e âmbito a que se refere. Ao emblemático Louvre, acrescentam-se outros projetos culturais como o Zayed National Museum cuja abertura está prevista para 2016, e o Guggenheim Abu Dhabi, cuja abertura está prevista para 2017, ambos desenhados por arquitetos que ganharam o premio Pritzker.

Obras-primas de Leonardo da Vinci e de Van Gogh estarão entre os 300 trabalhos expostos no Louvre de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, museu previsto abrir ao público em dezembro de 2015. 

louvre_abu_dhabi1

A agência de notícias francesa AFP diz que a construção do futuro museu custou 500 milhões de euros, tendo os Emirados Árabes Unidos pago, em 2007, 520 mil dólares só para usar o nome do museu original de arte de Paris.

O novo museu vai contar com pinturas e esculturas de 13 das mais famosas coleções francesas, que vão desde a Pré-Idade do Bronze até à Pop Art.

Entre as obras que serão expostas na sede do museu francês estão “La Belle Ferronière” de Leonardo Da Vinci, “O Tocador de Pífaro” do Manet, “La gare Saint Lazare” do Monet, e um auto-retrato do Van Gogh, além de obras de Matisse, Andy Wahrol, e uma estátua do Rodin.

louvre abu dhabi2

“Estas obras ficarão ao lado da coleção do museu ilustrando a vocação universal do Louvre de Abu Dabi, afirmou uma nota dos Emirados Árabes Unidos.

“Esta será a primeira vez que muitas dessas obras vão viajar para Abu Dhabi ou mesmo para o Oriente Médio, e são uma rara oportunidade de ver a arte importante dos museus franceses”, afirmou Sultan bin Tahnoon al-Nahyan, presidente da organização responsável pelo projeto.

Além do Louvre de Paris, também o museu d’Orsay e o Palácio de Versalhes vão emprestar peças de arte para o futuro museu do Louvre de Abu Dhabi, localizado na ilha de Saadiyet.

O projeto do museu foi criado em março de 2007, após um acordo entre os dois países, e gerou certa polêmica sobre se a França estaria vendendo suas coleções públicas. No mesmo ano, criou-se para a região o projeto de um novo Guggenheim e o Museu Nacional de Abu Dhabi.

Com uma superfície construída de 64.000 m², o Museu de Louvre Abu Dhabi está sendo concebido como um complexo formado por pavilhões, praças, passeios e canais que invocam e recordam uma cidade flutuante sobre o mar. Ao sobrevoar a zona vê-se um complexo inspirado na tradicional arquitetura Árabe. Como característica técnica mais destacada há uma impressionante cúpula de 180 metros de diâmetro que dá a impressão de estar suspensa no ar.

Tudo isto sobre um teto translúcido que provoca uma “chuva de luz”. Sob a cúpula, situam-se os 30 edifícios de pequenas dimensões que compõem o Museu, seguidas de praças e edificações dentro da água. A junção da luz e das sombras faz com que tenha um papel principal. Desenhado pelo Arquiteto que ganhou o Prêmio Pritzker, Jean Nouvel, o Louvre Abu Dhabi vai reunir um total de 9.200 m² de galeria de arte. Os 6.000 m² da Galeria Permanente vai alojar a coleção permanente do Museu, oferecendo ao visitante uma viagem universal desde as obras mais antigas às mais contemporâneas das diferentes civilizações. A Galeria Temporária com um total de 2.000 m² será destinada para abrigar exibições temporárias universais.

louvre

O Louvre Abu Dhabi será um dos grandes marcos da arquitetura com o detalhe do desenho do edifício e as infra-estruturas, que incluem trabalho aquático, escavações, pilotes e subestrutura. Uma plataforma temporária colocada sobre o mar, e, sobre esta, onde está construído o edifício na sua totalidade, foi levantada no ano de 2009 para permitir que as obras tivessem lugar sobre um espaço seco. Depois que terminarem o edifício, incluindo os trabalhos aquáticos, irão fazer a demolição dos muros de cimento de 40 metros de altura levantados sobre a areia para permitir a passagem da água do mar. Mais de 4.000 pilares de concreto armado e aço, num total de 21.000 m³ de cimento, foram perfurados no chão para servir como base e suporte do edifício do Louvre Abu Dhabi.

Toda a estrutura foi construída conforme técnicas específicas para não causar danos ao meio ambiente. Estas empregam a forma natural dos edifícios e as propriedades dos materiais para melhorar as condições exteriores, tais como o efeito solar do teto da cúpula ou dos outros edifícios. A cúpula foi desenhada inteligentemente de modo a que o teto atua como um toldo para proteger a praça e o edifício do calor do sol, proporcionando conforto e reduzindo o consumo de energia do edifício. Isto permite aos visitantes caminhar comodamente entre os diferentes espaços de exposição.

O Louvre Abu Dhabi mostrará as inter-relações entre as diferentes conquistas artísticas das diferentes culturas , desde, “das quais não há memória” até as “mais recentes”, passando as fronteiras técnicas e geográficas. O Louvre Abu Dhabi está formando a sua própria coleção permanente, a qual vai ser enriquecida com os empréstimos feitos pelos 21 Museus Franceses, entre eles o Museu do Louvre, Musée d’Orsay, Musée du Quai Branly e o  Centre Pompidou. O Louvre Abu Dhabi, irá crescer e desenvolver com a colaboração da Agence France-Muséums e em colaboração com o Musée du Louvre, reconhecido mundialmente pela excelência desde a sua fundação em 1793.

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Obrigado por assinar o meu blog! Espero que goste!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: