A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

novembro 7, 2014

Garoto da da Fundação Casa é finalista de concurso nacional de poemas

Ele é um garoto interno de 17 anos que cumpre medida socioeducativa em uma unidade da Fundação Casa, em São Paulo.

No final de outubro recebeu a notícia de que foi classificado como finalista da Olimpíada de Língua Portuguesa, na categoria poema. A olimpíada reuniu alunos de escolas públicas de todo o país e é promovida pelo Ministério da Educação e pela Fundação Itaú Social. Para participar da segunda etapa do concurso (a semifinal, em Belo Horizonte), ele teve autorização judicial para viajar de avião pela primeira vez, acompanhado por uma professora e um agente de segurança.

O tema escolhido este ano para o concurso nacional de poesia da Olimpíada de Língua Portuguesa foi “O lugar onde vivo”. Entre os 53.706 textos recebidos (além de poema, a olimpíada seleciona textos de memória literária, artigo de opinião e crônica), chegou o desse interno, preso pela terceira vez por tráfico de drogas na Fundação CASA, como são chamados os centros de internação para menores infratores em São Paulo. O lugar é formado por quatro celas, um banheiro dividido entre 30 internos, um refeitório e duas salas de aula com vista para uma pista esportiva. Os muros com arame farpado não deixam ver nada do que está do lado de fora. O jovem, que já é pai e tem dois filhos gêmeos de um ano, aos quais só conseguiu ver duas vezes, intitulou seu poema de “Vida em Transição”. Ele cursa o 6º ano do fundamental, escreveu um poema sobre como é morar na Fundação Casa.

A olimpíada ocorre a cada dois anos e premia as melhores produções de alunos de escolas públicas de todo o país. Esta quarta edição do concursou mobilizou 46.902 escolas públicas nos 26 estados e no Distrito Federal, onde 5,1 milhões de alunos concorrem com poemas, memórias literárias, crônicas e artigos de opinião.

Segue o poema escrito pelo jovem interno:

Vida em Transição

Viver na Fundação não é bom
Bom é ser livre em toda situação
Mas tenho minha opinião
Sobre esse período de transição
Que muitos dizem ser prisão.

Nesse lugar, maldade…
Que ao mesmo tempo é saudade
Por estar privado de liberdade
Mas tem um lado positivo
Nessa realidade
Estou me reabilitando para a sociedade.

Acordo e vejo grades
Meu peito dói de verdade
Só quem passou
Por isso sabe
De todas as realidades
E crueldades…
A maior necessidade
É a Liberdade!

Aqui lições de vida transmitem
Muitas coisas boas
Reconhecimento como pessoa
Que errar é humano
Mas aprender é a melhor coisa.

Atrás desses momentos tem algo impressionante
Hoje me tornei um estudante
Descobri que sou inteligente
Produzi este poema e me sinto importante.


 

Os números da Fundação Casa

  • 10.203 jovens estão internados hoje nos 149 centros da Fundação CASA. 95,36% deles são homens
  • 31,8% dos internos são brancos. O maior porcentual é de pardos (53,8%). Os pretos são 13,9%
  • O crime mais comum dos internos é roubo qualificado (43,44%), seguido de tráfico de drogas (37,57%).
  • Uma minoria foi detida por crimes mais graves. Assim, o latrocínio – roubo seguido de morte – representa 0,79% do total. Os homicídios somam 1,44% de internos e o estupro 0,76%.
  • A reincidência nestes centros é hoje de 13,5%. Em 2006 era de 29%.

Fonte: Fundação CASA

 

Anúncios

1 Comentário »

  1. […] Garoto da da Fundação Casa é finalista de concurso nacional de poemas. […]

    Curtir

    Pingback por Garoto da da Fundação Casa é finalista de concurso nacional de poemas | Cosmopolitan Girl — novembro 10, 2014 @ 14:50 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Obrigado por assinar o meu blog! Espero que goste!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: