A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

dezembro 4, 2013

Francês que mora em BH faz lista com 65 impressões do Brasil

Um texto bem-humorado do francês Olivier Teboul, de 29, anos, virou febre nas redes sociais dos belo-horizontinos na manhã do dia 30 de novembro de 2013. O engenheiro de computação, que trabalha no escritório do Google em BH há cerca de um ano e meio, coletou curiosidades sobre o jeito de ser dos brasileiros e registrou tudo em seu blog.

A lista se espalhou rapidamente pela internet e, apesar de controversa, já foi acessada por cerca de 15 mil pessoas e comentada por quase 500. Em entrevista ao jornal Estado de Minas, Olivier disse que o objetivo do texto não era ofender os brasileiros, e sim dizer sua percepção das diferenças entre a França e o Brasil.

Confira a lista de Olivier:  (more…)

Escultura: O Rapto de Proserpina (1621/1622) – de Bernini!

Gian Lorenzo Bernini, reconhecido como o maior escultor do barroco italiano, nasceu em Nápoles, no dia 7 de dezembro de 1598 e faleceu em Roma, em 28 de novembro de 1680. Foi arquiteto, escultor, pintor, e é o maior nome da arte italiana do século XVII.

3

Como arquiteto, é autor da Colunata de São Pedro, no Vaticano, e as fontes da Praça Navona, em Roma. Como pintor e desenhista, fez  retratos de papas e santos, além dos desenhos e estudos para suas obras arquitetônicas.

Mas é como escultor, sobretudo, que ele é reverenciado.

(more…)

Roma não é uma cidade barata!

Comer bem e pagar pouco,  em Roma, não é uma tarefa fácil. Roma é uma cidade grande e aqui pode se comer bem, mas você pode estourar o seu orçamento com comida. Não é possível comer bem em restaurantes e com pouco dinheiro. Fazendo piqueniques fica mais barato. O que de mais barato encontrei por aqui foram as pizzas al taglio (média de 2,50 euros por pedaço) e os kebabs, que custam em média 5,00 euros (é o nosso churrasquinho grego, só que aqui com muito melhor qualidade – e são deliciosos!). Estou aqui faz 9 dias e esta constatação estou fazendo in loco.

Uma refeição simples em restaurantes comuns não saem por menos de 12,00 a 15,00 euros (sem bebidas).
Algumas dicas:
– beber um café e comer o almoço ou lanche em pé. Quase sempre é mais caro sentar-se num café do que ficar em pé no bar, e muitas vezes, custa ainda mais para se sentar nas mesas ao ar livre. E o café expresso aqui é um quarto do tamanho do expresso no Brasil. E não sai por menos de 1,00 euro (taxa cambial de hoje: 1,00 euro = R$ 3,30).

Este slideshow necessita de JavaScript.

– compre nos mercadinhos ou “Alimentari” (lojas de alimentos), e faça piquenique quantas vezes forem possíveis. Você vai economizar muito dinheiro se fizer isso, pelo menos, em duas refeições ao dia. Se você tiver uma geladeira em seu quarto, melhor ainda. Não correrá o risco da comida estragar.  (more…)

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: