A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

agosto 29, 2013

Comida Peruana boa e barata no centro de São Paulo

Que eu moro no centro de São Paulo e que adoro morar por aqui, todos os meus leitores já sabem. Alguns conhecidos me perguntam: “mas não é perigoso?” Outro, “Ah, como tenho vontade de ir assistir uma ópera no Theatro Municipal. Mas tenho medo!”

Para esses a vontade é de responder: “Vá te catar!” Mas, brinco e digo: “é perigoso sim! Vá paramentado com um colete a prova de balas. Não esqueça do santinho de fé no bolso.”

ceviche

Cheviche peruano

Brincadeiras a parte, onde não há perigo numa metrópole como São Paulo? Há arrastões nos condomínios de luxo nos Jardins, em Higienópolis, Morumbí… E por lá também há moradores de rua, usuários de crack e tudo mais.

Bem, mas o assunto hoje é comida peruana!  Se você não mora no centro, ou está “de boa” pela cidade, pegue um domingo e venha almoçar no centro, em um restaurante peruano! Tem um muito bom ali na Avenida Rio Branco, chamado Tradiciones Peruanas

É um lugar pequeno e sem luxo algum, e, numa primeira impressão, não parece ter comida gostosa. Deixe o seu pré-conceito de lado e vá experimentar. É possível dividir os pratos, assim, se você for com mais três pessoas, dá para provar dois dos constantes no cardápio. O preço é bom e um prato é suficiente para duas pessoas.

Para beber, você pode pedir o suco chicha morada, que é uma especialidade da casa. Vá conferir! Até a Folha já recomendou o restaurante.

A Ailin Aleixo, do site Gastrolândia também já provou das delícias peruanas do centrão! Veja, abaixo, a matéria que ela fez do Rinconcito Peruano, que fica bem próximo de onde moro. Ele está localizado na Rua Aurora, 451, Centro/SP.

Rinconcito peruano: baratíssimo, simples, autêntico e bem bem. Por, Ailin Aleixo

  Ceviche de corvina com choclos

Fica na área da antiga Cracolândia. Não tem placa na porta. Depois de subir uma escada estreita e mal pintada, chega-se a um salão inundado por música andina e clipes hipnotizantes rolando nas duas tvs. Ninguém fala português- o idioma oficial é o espalhol (ou portunhol, caso do cardápio). Para atender os clientes – moradores das redondezas, a maioria pertencente a colônia peruana -, não fecha entre o almoço e o jantar. Os pratos, todos, servem duas ou mais pessoas e são incrivelmente baratos e saborosos. Saborosos como comida de casa, feita sem luxo, sem ingredientes caros, sem horas de pré-preparo, mas com a técnica mais maravilhosa de todas: experiência. Esse é o Rinconcito Peruano.

     Salão simplão do Rinconcito Peruano; Chicha Morada; Turrón de doce de leite

De elegante, não tem nada. E daí? Não me importo nem um pouco com as toalhas de plástico ao garfar o cheviche farto e fresco feito com corvina, acompanhado por choclos macios e graúdos (pequeno, R$ 22,80; médio, R$ 44,80; grande, R$ 88,70), que fica ainda melhor com uma boa dose da pimenta preparada na casa e servida numa bisnaga de catchup. Limão no ponto certo, pimenta que dá aquela semi-adormecida no lábio, pescado delicadamente cozido na acidez da fruta. O ceviche de polvo, lindo, passou para a mesa ao lado e será comido na minha próxima visita (R$ 32,80).

 Lomo a lo pobre: coxão mole salteado na wok com cebola, tomate, batata frita e acompanhado de banana, ovo frito e arroz

Se você não fala uma palavra em espanhol, leia bem o menu, pegue o Google Translate para ajudá-lo em alguns termos, porque os garçons não entendem, mesmo, português. Porém sua gentileza e vontade de ajudar são encantadoras. Por indicação de um deles, provei o Arroz chaufa misto de carne, frango e camarão (R$ 20). Arroz repleto de sabor, cheio de pedaços de ovos mexidos. molhadinho pelo caldo das carnes ao quais foi  misturado no wok- me senti numa casa da comida Chifa em Lima, sério.

Arroz chaufa misto de carne, frango e camarão

Enquanto esperava o terceiro prato – juntos, dariam pra alimentar 5 pessoas famintas-, pedi Chicha morada e me arrependi: feita com pó, tem gosto do pior Tang do mundo. Passe. Prefira a tradicional Inka Cola, refrigerante com cor de desentupidor de pia e gosto de chiclete de tuti-frutti. Para fazer companhia, vá de Lomo a lo pobre, coxão mole salteado (bastante salteado, sem vermelhinho dentro, mas tão gostoso..) na wok com cebola, tomate, batata frita e acompanhado de banana, ovo frito e arroz (R$ 16,80). Como é bom furar a gema e misturar em tudo. Putz. O lomo saltado convencional- coxão mole, cebola, tomate, batata frita e arroz- sai por incríveis R$ 13,70.

O mesmo garçon me contou que os pratos que mais saem, depois do ceviche e do lomo, são o  Chicharron misto (frito de peixe, mariscos, batatas e salsa criolla; pequeno, R$ 22,80) e a Minuta(sopa de carne ou frango, cabelo de anjo, ovo e leite, R$ 10). Vou voltar pra provar: pela cara do tiozinho que estava tomando a sopa, deve ser daqueles pratos que confortam a alma até daqueles seres mais azedos.

Ah, tem medinho de ir até essa área do centro? Deixa de bobagem: pegue um táxi e seja feliz. Pagando pouco.

5 Comentários »

  1. Nossa, nunca imaginei que existisse um lugar assim aqui em Sampa.
    Com inka Cola ainda, kkkkk.
    Qualquer hora passo por lá para matar as sds de pedir um “ceviche sin culantro”.
    Muito legal!

    Curtir

    Comentário por Adriana Magre — agosto 29, 2013 @ 17:26 | Responder

  2. Vou ter que ir… conheço bem o centrão,não tenho medo não!

    Curtir

    Comentário por Marcella — agosto 29, 2013 @ 17:56 | Responder

  3. […] continentes, e chegam mais todos os dias para tentar a sorte. Já escrevi aqui no blog sobre os Restaurantes de comida Peruana que existem no centro da cidade. Hoje o cardápio é comida […]

    Curtir

    Pingback por Biyou’Z Restaurante Afro – comida africana no centro de São Paulo | A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini — janeiro 16, 2014 @ 10:10 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Obrigado por assinar o meu blog! Espero que goste!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: