A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

abril 4, 2013

Arquivos inéditos do DOPS são abertos ao público

O Arquivo Público do Estado de São Paulo coloca à disposição do público documentos do DOPS nunca abertos para pesquisa. Após um ano e seis meses da descoberta dos arquivos em Santos, é possível consultar cerca de 45 mil fichas remissivas — nominais ou temáticas — através das quais se tem acesso a 11.600 prontuários produzidos pelo DOPS na região.

Fichário contém cerca de 45 mil fichas remissivas Tratamento técnico da documentação incluiu a organização arquivística do acervo
Fichário contém cerca de 45 mil fichas remissivas Tratamento técnico da documentação incluiu a organização arquivística do acervo
Cerca de 11.600 prontuários já podem ser consultados pela população Os prontuários receberam um novo acondicionamento, produzido com material neutro
Cerca de 11.600 prontuários já podem ser consultados pela população Os prontuários receberam um novo acondicionamento, produzido com material neutro

O Departamento Estadual de Ordem Política e Social funcionou entre os anos de 1924 e 1983 e tinha como objetivo prevenir e reprimir delitos considerados de ordem política e social contra a segurança do Estado. Os documentos encontrados em Santos revelam a atuação deste órgão na Baixada Santista, especialmente durante a ditadura militar. Entre as pessoas “fichadas” pelo DEOPS na cidade estão Carlos Lamarca, Frei Betto, Carlos Marighella e até o ex-presidente Lula, além de personagens da política local, sindicatos e movimentos estudantis. 

Empoeirados, infestados por cupins e outros insetos e com suas páginas desordenadas, os documentos foram descobertos em uma Delegacia de Polícia na cidade de Santos em fevereiro do ano passado e logo foram recolhidos para o Arquivo Público do Estado de São Paulo. Imediatamente teve início o tratamento técnico do acervo, com a desinfecção, higienização, desmetalização, re-acondicionamento e organização arquivística do material. Um convênio entre a Associação de Amigos do Arquivo e a Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania destinou um financiamento de quase R$ 90 mil para o tratamento deste acervo, o que permitiu a abertura dos arquivos em tão pouco tempo. A próxima etapa do trabalho será o diagnóstico de cerca de 150 caixas com documentos diversos que precisam ser identificados pela equipe do Arquivo Público para serem também disponibilizados ao público.

A consulta aos documentos respeita os mesmos procedimentos já adotados para a pesquisa aos demais documentos do DEOPS, abertos ao público desde 1994. Os pesquisadores têm acesso ao acervo no salão de consultas do Arquivo Público do Estado de São Paulo.Para isso, é preciso assinar um termo próprio, através do qual o pesquisador assume toda a responsabilidade pelo uso que fará das informações adquiridas nos documentos. Para os cidadãos mencionados nestes arquivos, o Arquivo Público oferece a reprodução autenticada dos documentos.

A consulta aos arquivos do DEOPS acontece de terça a sexta das 9 às 17 horas, sendo 16 horas o horário-limite para solicitação de material.

Localização: Arquivo Público do Estado de São Paulo

Endereço: Avenida Cruzeiro do Sul, 1.777 – Santana – São Paulo/SP

Ao lado da estação Tietê de Metrô

Fonte: site do Arquivo http://www.arquivoestado.sp.gov.br

1 Comentário »

  1. […] Arquivos inéditos do DOPS são abertos ao público | A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini. […]

    Curtir

    Pingback por Arquivos inéditos do DOPS são abertos ao público | A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini | Inesagula's Blog — abril 4, 2013 @ 19:46 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Obrigado por assinar o meu blog! Espero que goste!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: