A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

novembro 19, 2012

O El Rosedal del Prado, em Montevideo

As roseiras já estavam no planeta Terra há milhões de anos quando nós, seres humanos chegamos. Babilônios, sírios, egípcios, romanos e gregos adotaram a rosa como sinônimo de beleza e tentaram dominar o arbusto, mas os ramos escapuliram por caminhos tortuosos e espinhosos. Na Idade Média, os muros dos mosteiros eram cobertos por elas, mas as plantas saltaram acima dos muros e foram adornar palácios, jardins, varandas, pérgulas e poemas. Na Índia, a rosa é elevada a categoria de mito. Nas escrituras hindus ela é descrita como Lakshmi”, a Deusa do amor e da beleza, vinculando-a ao nascimento dessa flor.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nas duas vezes que estive em Montevidéu, pude visitar el Rosedal Juana de Ibarbourou, um passeio público que abriga várias espécies. Juana de Ibarbourou é o nome de uma poeta uruguaia proeminente e isso por si só justifica o nome desse lugar romântico. Em 17 de dezembro, o jardim vai coimpletar um século de vida perfumando o bairro. São poucos anos para a história da rosa, mas é cerca da metade da idade do Uruguai independente.  (more…)

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: