A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

outubro 6, 2011

Projeto Piano no Metrô de São Paulo – que tal mostrar seu talento?

Trabalho no FAZESP – Escola Fazendária de São Paulo e moro pertinho da Praça da República. Portanto, faço uso do Metrô poucas vezes. Somente quando está chovendo muito ou estou atrasado. A escola fica na Rua do Carmo, 88 e, costumeiramente durante o dia todo, em sua lateral, na Rua das Flores, ficam alguns “moradores de rua/guardadores de carro”. Entre eles há um senhor que de vez em quando aparece com sua flauta doce e toca sucessos do Luiz Gonzaga. Um som gostoso em meio ao caos dessa cidade.

Bem, comecei o texto falando do Metrô, então, vamos ao ponto. Desde março, em algumas estações chaves, foram disponibilizados pianos fabricados pela Fritz Dobbert   e que foram doados por uma empresa parceira do Metrô. O doador é Matteo Levi, de 75 anos, filho de italianos e nascido no Egito, que diz ser “brasileiro por afinidade e paulistano por opção”. Ele é dono da distribuidora Europa Filmes e também da empresa de cinema itinerante Cinemagia, que promove cerca de 600 sessões gratuitas de cinema por todo o País. Os instrumentos podem ser tocados pelos usuários desde a abertura das estações (às 4h40) até o fechamento das estações, à meia-noite. Na estação Sé tem um desses instrumentos. Esse tem ponto fixo. Os outros três pianos serão itinerantes e circularão por várias estações. Segundo o Metrô, a ação tem como foco aproximar os usuários da música e despertar vocações. O Sr. Levi diz que a doção não foi para o Metrô, mas para seus usuários.

Fiquei surpreso quando vi o piano ali, no mesanino. Nunca houve um piano naquele lugar! Mas naquele dia tinha um piano e um banco próximos às escadas rolantes. Não havia placa, aviso, manual de instruções, partitura nem etiqueta do dono. Dias depois descobri que o piano estava lá para que os próprios usuários da estação o tocassem, e não tardou para que as pessoas se acostumassem com ele. Hoje, é difícil passar por ali e ver seu banco desocupado. Já vi todo tipo de gente sentada ao piano e, para minha surpresa, a maioria dos que se atrevem a tocá-lo parece saber como se faz. Ouve-se de tudo – música gospel, MPB, clássicos mundiais…

Tal iniciativa foi inspirada no projeto “Play me, I’m yours”, do artista plástico inglês Luke Jerram que, no final de 2008, esteveem São Pauloe espalhou oito pianos em lugares públicos. Atualmente, o britânico já distribuiu mais de 400 pianos em 11 países.

Diz um amigo que morou muitos anos na Europa que é muito difícil pegar um metrô no centro das principais capitais sem cruzar o caminho de algum músico. No verão, torna-se impossível evitá-los. Em París existem dezenas de músicos nos subterrâneos do Metrô. Todos passam por uma “seleção”.  Aqui é só chegar, sentar e tocar. Bem mais democrático. O piano está lá para todos. É um processo espontâneo e natural.

Quando estiver passando por uma estação do Metrô, pare e ouça!

O sucesso dos pianos no Metrô inspirou o projeto “Piano no Metrô”. Hoje, ao lado de cada um dos instrumentos, já se vê a placa com a inscrição “Projeto Piano no Metrô. Convidamos você a mostrar seu talento”.

Quando passar por uma das estações e vir o piano, pare e aprecie. Seu dia no trabalho vai ficar bem melhor. Ou a volta para casa vai ser mais relaxante. Quem sabe você se anima e resolva experimentar!

2 Comentários »

  1. Tomara que as pessoas façam uso deles e tragam as pessoas para perto para ouvirem – para poder pensar e escutar o que é bom para a suas vidas. Que deixem de ser máquinas. Voltem a ter almas.

    Curtir

    Comentário por Irany — outubro 6, 2011 @ 17:29 | Responder

  2. Corrigindo meus pensamentos relatados a cima: Tomara que as pessoas façam uso deles e aproxime as pessoas para ouvirem e poderem pensar, escutar, sonhar um pouco as suas vidas. Que deixem de ser máquinas. E voltem a ter alma.

    Curtir

    Comentário por Irany — outubro 6, 2011 @ 17:58 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Obrigado por assinar o meu blog! Espero que goste!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Pensieri Parole e Poesie

Sono una donna libera. Nel mio blog farete un viaggio lungo e profondo nei pensieri della mente del cuore e dell anima.

DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Escrito por PROF RAFAEL PORCARI, compartilhando sobre futebol, política, administração, educação, comportamento, sociedade, fotografia e religião.

Saia de viagem

Em frente, sempre.

Mulher Moderna

Fazendo de tudo um pouco.

Memórias de Tereza

Um blog de memórias, recordações e lembranças familiares

Blog da Reforma

Um dia esta reforma acaba!

%d blogueiros gostam disto: