A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

abril 26, 2011

Reflexões sobre a eutanásia… praticada em animais – parte 1

Já faz alguns anos que eu sofri muito, e ainda sofro com a perda da Buba, minha cachorra pastor alemã, a qual conviveu comigo por pouco mais de 7 anos. Ela nasceu no dia 16 de fevereiro de 1997. E morreu no dia 18 de abril de 2004. Seu rim deixou de funcionar e estava esgotada com as injeções diárias que eram feitas em sua barriga para que conseguisse urinar com sacrifício. Emagreceu muito. Não comia mais. Chorava de dor o tempo todo. Não tive outra escolha senão sacrificá-la. Foram tempos muito tristes em que a decisão foi muito difícil.

(more…)

Anúncios

abril 19, 2011

As imagens do Japão após terremoto e o Tsunami – ou a falta delas…

Acabo de ler um artigo sobre a catástrofe no Japão, num blog do El País e escrito por do Antonio Espejo, o qual adaptei aqui. Espejo é um jornalista licenciado pela Universidad Autónoma de Barcelona, também professor daquela universidade e em escolas de fotografia. Ele fotografa para jornais, revistas e agências. (more…)

abril 13, 2011

Um jardim japonês em casa

Os jardins japoneses podem ser complexos ou simples, isso é você quem decide – escrevi esse texto a fim de auxiliá-lo(a) a criar um pequeno recanto particular para produzir serenidade, relaxamento e tranquilidade. Se você deseja criar um jardim interior, o mais usual é construí-lo em áreas integradas com outras divisões da casa como um terraço ou num canto da sala.

Jardim Zen

Se você não quer ter trabalho, mas quer ter seu canto japonês, comece procurando um local com claridade e não por acaso, tenha um vaso com bambú – que tem um grande significado para os japoneses e monte um pequeno jardim Zen. Você pofe ter seu mini espaço zen no canto que escolher – da casa ou no apartamento. Se quiser e gostar, incorpore uma pequena fonte e o efeito será surpreendente. O barulho da água é relaxante.

(more…)

abril 12, 2011

Quem são os heróis da chacina dos estudantes no Rio de Janeiro?

Os portões e os muros da escola Tasso da Silveira, em Realengo, no Rio, ainda estão cobertos com velas, flores e cartas. Centenas de pessoas acompanharam as famílias até o cemitério. Os estudantes que sobreviveram exorcizam suas angústias. “Parecia um filme de terror proibido para menores de idade”, disse um dos que escapou da saraivada de balas. Uma das coisas que impressionou o público foi o testemunho de uma criança da escola. “Meu amigo disse em voz alta: ” Não me mate, não me mate “, e ele sacou o revólver, atirou na cabeça e ele caiu morto a meus pés”, disse uma menina de 11 anos, lembrando que ficou mais surpresa ainda  “ao ver o sangue correndo pelas escadas…” Todos os depoimentos seguem a mesma linha e relatam que o assassino, Wellington Menezes, ex-aluno dessa escola, sofreu a humilhação e intimidação “, era uma pessoa tranquila e solitária, que passava horas navegando na internet e consultando páginas do fundamentalismo islâmico. Sua irmã mais nova, admitiu que “era usual ele falar de coisas dos muçulmanos” e que quase nunca saia de casa. A Comunidade muçulmana do Brasil foi rápida em negar que o assassino tinha algo a ver com eles ou que ele  freqüentava uma mesquita.

Quem são nossos heróis?

  (more…)

abril 7, 2011

Cidadania Italiana – minha saga para conseguí-la!

Faz muitos anos que comecei a pesquisar a história da família Martini. Comecei pela coleta de documentos para entrar com processo de reconhecimento da “dupla cidadania” (italo-brasileiros) a partir de meu bisavô, que veio para o Brasil em 1886 com seus pais e irmãos. A partir da coleta de dados em consultas junto aos meus pais e parentes, pois meus avôs já haviam falecido, vislumbrei a necessidade de manter o registro da família, pois verifiquei que muitas informações estavam se perdendo. A cada visita a parentes fui pegando os relatos. Pela necessidade dos documentos que seriam necessários ao processo de dupla cidadania, fiz pesquisas mais abrangentes em arquivos e cartórios, reconstruindo a história e construindo dessa forma uma Árvore Genealógica. Em conseqüência a árvore foi se ramificando e fui alimentando o documento com todas as informações que conseguia.

Richiesta certificado di nascita de Luigi Martini

(more…)

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: