A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

março 25, 2011

Teatro Colón, Buenos Aires – uma fábrica de cultura em crise!

Considerada entre as cinco maiores casas de ópera do mundo, o Colón, em Buenos Aires é um dos poucos que ainda mantêm a sua própria produção. No entanto, encontra-se mergulhado em uma crise profunda que já dura 20 anos e a qualidade artística que sempre o caracterizou anda baixa. Se o Estado não conseguir resolver as reformas sindicais necessárias, o seu declínio será inexorável e a sociedade perderá uma de suas fontes de influência cultural.

É uma maravilha arquitetônica com uma sala que margeia o que chamamos de acusticamente perfeito.

 O Teatro Colón de Buenos Aires é uma fábrica cheia de cultura: músicos, bailarinos, cantores e outros artistas, cenários e figurinos, todos oriundos da própria casa. Em 2008 chegou ao centenário. Sempre foi sinônimo de excelência artística e uma referência na América Latina e Europa. Foi também um símbolo, quiçá talvez o mais importante no campo artístico, de uma Argentina, que sempre prometeu e nunca cumpriu – dar-lhe poder econômico e evolução cultural.
(more…)

Plácido Domingo canta para mais de 120 mil pessoas em Buenos Aires

Valeu a pena esperar. Demorou 13 anos para os argentinos vê-lo novamente no país. E o concerto aconteceu, depois da grande expectativa que havia sido criada – primeiro adiado pela chuva na quarta-feira e depois pelas dúvidas se aconteceria  por conta da disputa sindical dos músicos do Teatro Colon. No final, a noite foi perfeita, do tipo daquelas que ficam gravadas para sempre na memória. O calor do show, a voz única e a paixão pela música foram de arrepiar. A multidão estimada em mais de 120 mil pessoas, que ocupou a Avenida 9 de julho, pode apreciar por quase três horas um show histórico, no qual o tenor Placido Domingo teve a gentileza de oferecer à Buenos Aires uma noite incomparável.

Plácido Domingo, no palco. Foto do clarin.com

(more…)

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: