A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

novembro 3, 2010

OS RIOS PINHEIROS E TIETÊ EM SÃO SAULO – O CHEIRO DO INFERNO

A foto é do Igarapé do Tarumã que fica ao lado do Tropical Hotel, em Manaus.

O Augusto Sampaio, um amigo que trabalha em um órgão público do estado do Amazonas, acaba de enviar umas fotos impressionantes da seca que está acometendo os rios da região. Fenômeno semelhante ao que aconteceu por lá no ano de 2005.

A gente olha as fotos e pensa – para onde vai a água? Para o oceano, como ela sempre faz. Mas se não tiver chuva nas cabeceiras para reabastecer o rio, não tem jeito. Ele seca mesmo, por mais gigantesco que seja. A água do planeta Terra nunca vai acabar. Mas isso não significa que esteja sempre disponível para nós. Mesmo na Amazônia, é possível faltar água.

E isso me fez lembrar o caso de São Paulo, que tem dois rios enormes passando bem no meio da cidade… pena que eles não tenham oxigênio, nem peixe. Rios Tietê e Pinheiros. Só têm cheiro de esgoto! E na beira do Rio Pinheiros construíram um mega shopping para os ricos, esses que se dizem classe AAA+, com condomínios de torres onde os apartamentos custam milhões. Ali moram crianças que vivem fora da realidade. Seus pais também. Encontram de tudo por lá. Não saem daquele espaço. É uma verdadeira jaula humana. E no shopping que não se entra a não ser de carro, para disfarçar o cheiro do rio, ventiladores nos corredores e nas lojas que vez ou outra borrifam um spray que exala o cheiro de baunilha!

Estou em São Paulo faz oito anos e entre as coisas que me impressionam, há especificamente esta com a qual não me conformo – como os paulistanos que vivem próximos desses dois rios – e os que são obrigados a passar por eles todos os dias – conseguem viver sentindo cheiro de esgoto?

Marginal Pinheiros - na foto até que o rio parece ser bonito... mas de perto...

Não consigo entender. Imagine quem mora nas imediações ter que conviver todos os dias em sua casa com um cheiro parecido com daqueles sanitários cavados no chão, como os que existiam nos sítios, cheios de merda e de vermes. É esse cheiro que também sentem as pessoas que chegam a São Paulo por via terrestre – e esse é o cartão de visitas da cidade!

Bem, diz a lenda que as pessoas mais ricas são especialistas em criar bolhas de sobrevivência dentro das bolhas de carniça. Vejam os casos dos grandes centros comerciais como os da Berrini e bairros nobres cheios de condomínios de luxo que se proliferam exatamente ao redor da Marginal Pinheiros. Os milionários chegam a pagar mais de 1 milhão de reais num apartamento de um andar inteiro, com isolamento térmico, acústico e olfativo, só para terem o prazer de olharem lá de cima para o esgoto a céu aberto chamado Rio Pinheiros com a ilusão de contemplar o Sena ou o Tamisa! A Daslu, loja dos ricos descolados, também fica defronte ao fedor.

Uma das marginais, depois de uma chuva torrencial

Fico pensando se não há como esses ricaços montarem uma força tarefa para despoluir os Rios Tietê e o Pinheiros… Com renúncia fiscal ou sei lá o que, já que o governo local não conseguiu resolver o problema com todo o dinheiro que foi doado pelo Japão, entre outros financiamentos. Mas, esses ricaços só conseguem olhar para o próprio umbigo. Não conseguem pensar num bem coletivo.

E o shopping Center citado? Continua desodorizando o fedor! Consome mensalmente uma carga gigante de spray odor baunilha, para que os compradores não sintam o aroma da incompetência tucana, que há dezesseis anos governa o rio. Tucanos e outros já prometeram sanear o rio muitas vezes, mas o cheirão ainda continua lá!

Também, nas margens do Rio Pinheiros, fizeram uma ciclovia. Na verdade não fizeram quase nada. Aproveitaram uma pista de manutenção existente entre a linha do trem e o rio, deram uma “garibada” no chão e pronto. Tal ciclovia liga o lugar a lugar nenhum. É uma faixa de 14 km que começa no nada e termina no nada. Só serve, digamos, para o lazer, margeando o maior esgoto a céu aberto do planeta. O cheiro é mesmo forte, podre e dá náuseas. Se duvidar, vá lá conferir. Aos finais de semana e feriados, se passar por lá, observe: encontrará casais pedalando, com bicicletas novas, cara de quem mora no Itaim, eleitores do Serra, respirando merda e sorrindo.

E para quem quiser entender porque os rios de São Paulo são podres, acesse aqui

Anúncios

5 Comentários »

  1. Ainda estamos na fase de defender o partido, o candidato de preferência, eleição é apenas um jogo do tipo, “olha só, o meu candidato venceu”. Ainda não incorporamos em nós os direitos e deveres de cidadão que cobram cada uma das promessas de campanha(nem prestamos atenção nas promessas), só nos preocupamos em eleger o(a) fulano(a) nossa participação acaba aí. Os Americanos são diferentes e deram o recado ao seu Presidente. Nas eleições mais recentes os americanos manifestaram sua insatisfação. Barack Obama está enfrentando dificuldades, para implantar programas? Ok! Mas a população americana está insatisfeita com o desempenho de seu presidente. E aqui no Brasil qual é o relacionamento classe política X população? O que sei é que ano após ano no entra e sai de partidos, as promessas são sempre as mesmas. E no entra e sai de partidos, nos acordos de bastidores cada partido leva o seu(e nós brigamos por eles). No momento os brasileiros gostam de “barracos” nas campanhas eleitorais(por isso tanta baixaria), brasileiro não se interessa em tomar conhecimento das plataformas políticas(que é isso???). Então…o Rio Tietê, Pinheiros, vão ficar assim por muitos e muitos anos, só vão incomodar nas raras vezes em que passarmos pela região e os que não estão protegidos do mau cheiro, já se acostumaram…faz parte do dia a dia. De acomodados que somos simplesmente passamos uma procuração e não fiscalizamos. Somos nós eleitores os grandes omissos.

    Curtir

    Comentário por Emília — novembro 3, 2010 @ 19:49 | Responder

  2. Gostaria muito que você conhecesse o “nosso rio Tietê”… você não acreditaria que é o mesmo daí… aqui ele é azullllllll, tem peixes e é navegável. Ao seu redor muitas árvores, resort, ranchos… aonde podemos desfrutar de tamanha beleza e lazer.
    Como pode, aí, o ser humano destruir tanto e continuar a destruir algo tão lindo. Ver o por do sol daqui é deslumbrante.
    A primeira vez que vi de perto os rios Pinheiros e Tietê, demorei a registrar que fosse o mesmo que conheço aqui e isso dói, não tem como passar por ele sem sentir tristeza, a tristeza da alma. Que possam os “poderosos” acordarem e resgatar o que Deus nos deu de graça… afinal de contas quem hoje destrói pode não estar aqui amanhã mas, com certezalguém de sua linhagem estará. Quanta falta de consciência…
    Que seu post possa chegar até muitas pessoas… Você está fazendo a sua parte. É isso aí!
    Bjs

    Curtir

    Comentário por Ivana — novembro 3, 2010 @ 22:37 | Responder

  3. ilmo sr. dr. GILBERTO KASSAB ///Eu sou uma das pessoas mais enteressadas em ver todos os rios correndo em velocidade,sem represamento,consequentemente sem inundacao na querida sao paulo mao precesa de instalar super bombas que gastara uma furtuna de energia. Nosso negocio e pratico barato e eficiente.imagine que com um grande catavento que em caso de tempestade ele desliga automaticamente a grande helice.em caso de chuvas torrenciais ete faz por meio simples e barato a agua correr 01, 05, 20 equipamentos e tome a agua a correr, chega a um ponto que as aguas paradas descem e as pocadas veem atras e descem e Sao Paulo nao sera
    mais intitulada de sao paula das enchentes…o oque precisamos para cada equipamennte uma torre/ um grande catavento/ um diferencial grande / tranmissao / turbina e tome agua a descer…mande o projeto para a camara de VEREADORES e vamos instalar ///eu posso oajudar no 01 dai para afrente a pprefeitura ja sabe onde o alagamento e problema. um abraco NUNES 29/04/2011

    Curtir

    Comentário por simaael nunes da cunha — abril 29, 2011 @ 18:29 | Responder

  4. Não é só São Paulo. O Brasil inteiro tem rios que fedem a merda. Recife tem, Rio de Janeiro tem, Curitiba tem…
    É um país de corruptos, incompetentes e negligentes.

    Curtir

    Comentário por marcio — setembro 8, 2013 @ 1:44 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Obrigado por assinar o meu blog! Espero que goste!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: